quinta-feira, 24 de outubro de 2013

A BIG APLLE


Nova Iorque ou Nova York é a cidade mais populosa dos Estados Unidos e o centro da Região Metropolitana de Nova Iorque, uma das áreas metropolitanas mais populosas do mundo. É também a terceira cidade mais populosa da América, atrás de São Paulo e Cidade do México.
A cidade exerce um impacto significativo sobre o comércio, finanças, mídia, arte, moda, pesquisa, tecnologia, educação e entretenimento de todo o planeta. Nova York abriga a sede da Organização das Nações Unidas (ONU), sendo um importante centro para assuntos internacionais e amplamente considerada como a capital cultural do mundo. A cidade também é referida como Cidade de Nova York para distingui-la do estado de Nova York, do qual faz parte.

Localizada em um dos maiores portos naturais do mundo, Nova York é composta por cinco distritos: Bronx, Brooklyn, Manhattan, Queens e Staten Island. Com uma população que, de acordo com o Censo dos Estados Unidos de 2.010, atinge 8.175.133 habitantes, distribuídos em uma área de terra de apenas 784 km².


Nova York é a grande cidade mais densamente povoada dos Estados Unidos e a segunda localidade mais densamente povoada do estado de Nova Iorque. Com cerca de 800 idiomas diferentes falados em seu território, Nova York é a cidade com a maior diversidade linguística do mundo.
A população da Região Metropolitana de Nova York é a maior dos Estados Unidos, estimada em cerca de 18,9 milhões de pessoas distribuídas em cerca de 17.400 km².
New York tem suas raízes na sua fundação em 1.624 como um posto de comércio por colonos neerlandeses, sendo nomeada Nova Amsterdã, em 1.626.
A cidade e seus arredores foram tomadas pelo Reino da Inglaterra em 1.664, passando a fazer parte do Império Britânico, e sendo seu nome alterado para Nova York, depois que o Rei Carlos II da Inglaterra concedeu as terras para seu irmão, o então Duque de York (futuro Rei Jaime II da Inglaterra). Nova York serviu como a capital dos Estados Unidos de 1.785 até 1.790, sendo a maior cidade do país desde 1.790.

A Estátua da Liberdade recebeu milhões de imigrantes que vieram para a América de navio no final do século XIX e início do século XX.
Muitos distritos e pontos turísticos de Nova York se tornaram bem conhecidos graças aos seus quase 50 milhões de visitantes anuais. A Times Square, batizada de "a encruzilhada do mundo", é a região iluminada onde se concentram os famosos teatros da Broadway, sendo um dos cruzamentos de pedestres mais movimentados do mundo e um importante centro da indústria do entretenimento mundial. A cidade abriga algumas das pontes, arranha-céus e parques de maior renome no mundo. O distrito financeiro de Nova Iorque, ancorado por Wall Street em Lower Manhattan, atua como um dos maiores centros financeiros do mundo, e é onde está a Bolsa de Valores de Nova Iorque, a maior bolsa de valores do planeta pelo total de capitalização de mercado de suas empresas listadas.
O mercado imobiliário de Manhattan está entre os mais valorizados e caros do mundo. A Chinatown de Manhattan incorpora a maior concentração de chineses do Ocidente. Ao contrário da maioria dos sistemas de metrô do mundo, o Metropolitano de Nova Iorque é projetado para fornecer o serviço 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Inúmeros colégios e universidades estão localizados em Nova York, incluindo a Universidade de Colúmbia, a Universidade de Nova York e a Universidade Rockefeller, que estão classificadas entre as 100 melhores do mundo.

A região era habitada por nativos norte-americanos das tribos lenapes no momento da sua descoberta europeia, em 1.524, por Giovanni da Verrazano, um explorador florentino a serviço da coroa francesa, que chamou de "Nouvelle Angoulême" (Nova Angoulême). O assentamento europeu começou com a fundação de uma colônia holandesa de comércio de peles, que mais tarde seria chamada "Nieuw Amsterdam" (Nova Amsterdã), na ponta sul de Manhattan em 1.614.
O diretor-geral colonial holandês Peter Minuit comprou a ilha de Manhattan dos lenapes em 1.626 pelo valor de 60 florins, (cerca de US$ 1.000,00); uma outra lenda diz que Manhattan foi comprada por US$ 24 no valor de contas de vidro.
Em 1.664, a cidade foi entregue para os ingleses e rebatizada para "Nova York" pelo Duque de York e Albany. No final da Guerra Anglo-Holandesa, os holandeses ganharam o controle da ilha de Run (então um ativo muito mais valioso) em troca do controle de inglês sob Nova Amsterdã (Nova York), na América do Norte. Várias guerras intertribais entre os nativos americanos e algumas epidemias provocadas pela chegada dos europeus provocou perdas consideráveis ​​para a população lenape entre os anos de 1.660 e 1.670.
Em 1.700, a população lenape tinha diminuído para apenas 200 membros. Em 1.702, a cidade perdeu 10% de sua população para a febre amarela. Nova York sofreu nada menos que sete importantes epidemias de febre amarela no período ente 1.702 e 1.800.


Nova York cresceu em importância como porto comercial enquanto esteve sob o domínio britânico. A cidade sediou o influente julgamento de John Peter Zenger em 1.735, ajudando a estabelecer a liberdade de imprensa na América do Norte. Em 1.754, a Universidade de Colúmbia foi fundada em navios fretados por Jorge II da Grã-Bretanha como Faculdade do Rei em Lower Manhattan. O Stamp Act Congress se reuniu em Nova York em outubro de 1.765, assim como os Filhos da Liberdade se organizaram na cidade, escaramuçando durante os próximos dez anos com as tropas britânicas estacionadas no país.
O retorno de veteranos da Segunda Guerra Mundial criou um boom econômico pós-guerra e o desenvolvimento de novos bairros no leste do Queens. Nova York saiu da guerra incólume como a principal cidade do mundo, com Wall Street liderou o lugar dos Estados Unidos como a potência econômica dominante do mundo. A sede da Organização das Nações Unidas (ONU) (concluída em 1.950) enfatizou a influência política de Nova York e a ascensão do expressionismo abstrato na cidade precipitou deslocamento de Nova York como o centro do mundial da arte, deixando Paris em segundo plano.
Na década de 1.960, a cidade começou a sofrer de problemas econômicos e com índices de criminalidade em ascensão. Embora o ressurgimento da indústria financeira tenha melhorado muito a saúde econômica da cidade na década de 1.980, a taxa de crimes de Nova York continuou a subir fortemente até o início da década de 1.990.

Nos anos 1.990, os índices de criminalidade começaram a cair dramaticamente devido ao aumento da presença policial e da gentrificação e muitas novas ondas de imigrantes chegaram da Ásia e da América Latina. Importantes setores novos, como o Silicon Alley, surgiram na economia da cidade e a população de Nova York alcançou o seu maior número da história no censo de 2.000.



A cidade foi um dos locais atingidos durantes os ataques de 11 de setembro de 2.001, quando cerca de 3.000 pessoas morreram na destruição do World Trade Center. Um novo One World Trade Center (incluindo o já inaugurado World Trade Center Memorial Museum) e três novas torres de escritórios estão sendo construídas no local e estão programadas para serem concluídas em 2.014. Os novos arranha-céus do World Trade Center, memorial e um centro de transporte novo que estão em construção no local trará uma mais moderna Lower Manhattan e modificará o skyline de Nova York.


A cidade de Nova Iorque está localizada no extremo sul do estado de Nova Iorque, no nordeste dos Estados Unidos, aproximadamente a meio caminho entre Washington, D.C. e Boston. A maior parte de Nova Iorque localiza-se em um conjunto de ilhas na foz do Rio Hudson, ocupando toda a ilha de Manhattan, bem como o oeste de Long Island.





Apenas o distrito de Bronx está localizado no continente, tornando a terra escassa e incentivando uma elevada densidade populacional. O Rio Hudson, que desemboca em um porto natural protegido e, em seguida, no Oceano Atlântico, ajudou a cidade a crescer como um importante centro comercial.

O Rio Hudson flui através do Hudson Valley em direção à Baía de Nova Iorque. Entre a cidade de Nova Iorque e Troy, o rio é um estuário.86 O Hudson separa a cidade de Nova Iorque de Nova Jérsei. O Rio East - um estreito da maré - flui do estuário de Long Island e separa o Bronx e Manhattan de Long Island. O Rio Harlem, outro estreito da maré entre os rios East e Hudson, separa Manhattan do Bronx.
O Rio Bronx, que flui através do Bronx e do Condado de Westchester, é o único rio inteiramente de água doce na cidade de Nova Iorque.
A Região Metropolitana de Nova Iorque possui cerca de 19,7 milhões de habitantes, e inclui 26 condados nos estados de Connecticut, Nova Iorque e Nova Jérsei (mais os cinco que constituem a cidade, elevando o número total de condados para 31), abrangendo, dessa forma, uma grande zona da costa leste dos Estados Unidos.
A área urbanizada da região metropolitana de Nova Iorque é a maior em extensão territorial do mundo, possuindo aproximadamente 8,7 mil km² de área, a mais populosa dos Estados Unidos, e a segunda mais populosa do mundo (superada apenas pela de Tóquio, Japão).
Nova Iorque possui um clima temperado continental úmido, apresentando quatro estações bem definidas.


Localizado perto de grandes massas de água, a temperatura na cidade tende a flutuar menos do que em áreas localizadas no interior do continente. Entretanto, o tempo em Nova Iorque é instável, podendo ocorrer baixas temperaturas e tempestades de neve perto do fim da primavera ou logo no início do outono.

Os invernos da cidade são frios (embora mais quentes do que no interior, dado a sua localização), e eventualmente tempestades de neve podem paralisar completamente a cidade, com mais de 30 centímetros de neve. No inverno, a temperatura  média é de   1º C. As primaveras na cidade são amenas,      possuindo máximas que variam entre 10 °C a 15 °C, em março, e a 20 °C a 25 °C em junho. Os verões da cidade são quentes e úmidos, com máximas entre 32 °C a 38 °C, e temperatura média de 23 °C. A temperatura mais alta já registrada em Nova Iorque foi de 42 °C, no ano de 1966, em 3 de julho. A taxa de precipitação média anual da cidade é de 1.124 mm.

Nova Iorque possui inúmeras áreas verdes espalhadas, especialmente ao longo de áreas de menor densidade como Staten Island. No total, são 113 km² de área dedicadas a mais de 1,7 mil parques e playgrounds. O parque mais famoso é o Central Park, localizado no centro de Manhattan, sendo um dos pontos de interesse mais conhecidos de Nova Iorque.
O Central Park é na verdade composto por mais de cem parques menores, que no total possuem quatro quilômetros de comprimento e 800 metros de largura. O Central Park possui inúmeros campos de esportes, jardins, um lago, playgrounds e muita área verde disponível, além de um shopping center, um zoológico e um zoológico infantil.
Outros parques famosos são o Riverside Park, Battery Park, Prospect Park, Flushing Meadows-Corona Park, e Forest Park.
A cidade é composta por cinco distritos que também são condados do estado de Nova Iorque.
Manhattan, Condado de Nova Iorque, é o centro econômico da cidade, e também onde a cidade de Nova Iorque possui suas origens. É o distrito mais densamente habitado de Nova Iorque (é o condado mais densamente habitado do país), e onde se localizam a maioria dos arranha-céus da cidade.

Manhattan possui dois grandes centros financeiros, a Lower Manhattan (a parte sul da ilha), que é o maior e o principal da cidade (onde se localiza a Wall Street e futuramente o novo complexo do World Trade Center), e a Midtown Manhattan, onde está localizado o Empire State Building.

Bronx, Condado do Bronx, está localizado no norte da cidade, sendo o único distrito de Nova Iorque que está localizado no continente (todas as outras quatro estão localizadas em ilhas). O seu nome provém do sueco Jonas Bronck, que criou uma fazenda na região, em 1.641. Bronx é um distrito predominantemente residencial. É atualmente o distrito mais pobre e violento da cidade, bem como um dos condados mais pobres e violentos do país.

Brooklyn, Condado de Kings, era uma cidade administrativamente independente da Cidade de Nova Iorque até 1.898, quando foi fundida com a última. Como consequência, a cidade possui bairros comerciais bem desenvolvidos, bem como o terceiro centro financeiro de Nova Iorque. Brooklyn abriga atualmente a maioria das instalações portuárias de Nova Iorque, bem como boa parte dos estabelecimentos industriais da cidade. É o distrito mais populoso de Nova Iorque.

Queens, Condado de Queens, é considerado o distrito mais multicultural de Nova Iorque, e o condado mais multicultural dos Estados Unidos. É também o maior dos cinco distritos de Nova Iorque. Antes de ter sido anexada à Cidade de Nova Iorque, Queens era composto por diversas pequenas cidades e vilas fundadas pelos neerlandeses. Atualmente, Queens é uma região predominantemente residencial, possuindo uma grande área industrial no sul.
Abriga dois dos principais aeroportos da região metropolitana de Nova Iorque, o John F. Kennedy e o LaGuardia.

Staten Island, Condado de Richmond, localizada no extremo sudoeste de Nova Iorque, é o distrito mais isolado e menos habitado da cidade. É também o único distrito não conectado diretamente com a ilha de Manhattan, através de uma ponte ou de um túnel.

Com poucos estabelecimentos industriais, Staten Island é uma região predominantemente residencial de baixa densidade, possuindo grandes áreas verdes e praias. Abriga também o Fresh Kills Landfill, anteriormente o maior aterro sanitário do mundo. A cidade atualmente está construindo um dos maiores parques urbanos do país no seu lugar.
Nova Iorque é um centro global de negócios e comércio internacional e é um dos três "centros de comando" da economia mundial (junto com Londres e Tóquio).
A cidade é um grande centro de bancos e varejo, finanças, comércio mundial, transportes, turismo, mercado imobiliário, seguros, novas mídias, bem como a mídia tradicional, teatro, moda e as artes nos Estados Unidos.

A Região Metropolitana de Nova Iorque contava com um produto metropolitano bruto de aproximadamente de US$ 1,28 trilhão em 2.010, sendo a maior economia regional nos Estados Unidos e, de acordo com a IT Week, a segunda maior economia metropolitana do mundo, depois de Tóquio.
De acordo com Cinco Dias, Nova York controlava 40% das finanças do mundo até o final de 2.008, tornando-a o maior centro financeiro do mundo.

Muitas grandes empresas estão sediadas na cidade de Nova York, incluindo 45 empresas da Fortune 500. Nova York também é única entre as cidades norte-americanas com um grande número de corporações estrangeiras.
Um em cada dez empregos no setor privado na cidade é com uma empresa estrangeira.

Manhattan é o maior distrito central de negócios nos Estados Unidos. Lower Manhattan é o terceiro maior distrito de negócios central nos Estados Unidos e é onde está a Bolsa de Valores de Nova York, localizada em Wall Street, e da Nasdaq, que representa o primeiro e segundo intercâmbio maior de ações, respectivamente, quando medido pela média diária de volume negociado e capitalização de mercado global. Os serviços financeiros representam mais de 35% da renda da cidade de empregos. Manhattan tinha 32.860.000 m² de espaço de escritórios em 2.001.







O mercado imobiliário é uma força importante na economia da cidade, como o valor total de todos os bens da cidade de Nova York atingindo os 802,4 bilhões dólares americanos em 2.006. O Time Warner Center é a propriedade com o maior valor de mercado de maior listado na cidade, em US$ 1,1 bilhões em 2.006. Nova York é o lar de algumas das propriedades mais caras dos Estados Unidos e do mundo.
A indústria de televisão e cinema da cidade é a segundo maior do país, depois de Hollywood. Indústrias criativas, como novas mídias, publicidade, design, moda e arquitetura representam uma parcela crescente do emprego, com Nova Iorque possuindo uma forte vantagem competitiva nestas indústrias.

Indústrias de alta tecnologia como biotecnologia, desenvolvimento de softwares, design de jogos e serviços de internet também estão crescendo, reforçadas pela posição da cidade no terminal de várias fibras óticas transatlânticas. Outros setores importantes incluem a pesquisa médica e da tecnologia, instituições sem fins lucrativos e universidades.

A manufatura responde por uma parcela grande, mas declinante dos empregos da cidade. Vestuário, produtos químicos, produtos de metal, alimentos processados e móveis são alguns dos principais produtos. A indústria de processamento de alimentos é o setor de fabricação mais estável na cidade.
O setor de alimentos é uma indústria de 5 bilhões dólares, que emprega mais de 19.000 novaiorquinos. O chocolate é líder em exportação de alimentos especiais em Nova York, com 234 milhões dólares no valor das exportações anuais.

O turismo é uma das indústrias mais importantes de Nova York, com mais de 40 milhões de turistas nacionais e internacionais que visitaram a cidade anualmente nos últimos cinco anos.


Os principais pontos turísticos incluem o Empire State Building, Estátua da Liberdade, Ellis Island, produções da Broadway, museus como o Metropolitan Museum of Art, espaços verdes tais como Central Park e o Washington Square Park, Rockefeller Center, Times Square e lojas de luxo ao longo da Quinta Avenida e da Avenida Madison.
Outros atrativos são os eventos como a Parada de Halloween em Greenwich Village, o Parada do Dia de Ação de Graças da Macy's, o desfile do Dia de São Patrício, atividades sazonais como patinação no gelo no Central Park no inverno, o Festival de Cinema de Tribeca e apresentações gratuitas no Central Park no verão. Experiências especiais fora das áreas turísticas mais importantes da cidade incluem, mas não estão limitadas, o Zoológico do Bronx, Coney Island e o Jardim Botânico de Nova Iorque.
Em 2.010, a cidade teve um número recorde de turistas, atingindo a marca 48,7 milhões de visitantes. Desde o início da recuperação da economia dos Estados Unidos, o objetivo do prefeito Michael Bloomberg é quebrar o recorde novamente em 2.012, atraindo mais de 50 milhões de turistas.

Nova Iorque é berço de muitos dos estilos artísticos (especialmente na área de literatura, drama e música) que depois se espalharam para o resto dos Estados Unidos. Uma das formas de arte mais populares é o teatro. A maioria das melhores e mais conhecidas peças americanas foram criadas e/ou estrearam na cidade.

Organizações musicais de renome internacional incluem a Orquestra Filarmônica de Nova Iorque, uma das mais reconhecidas orquestras do mundo, e a Metropolitan Opera Association, uma companhia de ópera. Muitos concertos liderados por artistas conhecidos internacionalmente são feitos no Carnegie Hall, localizado perto do Central Park.
Milhares de artistas moram em Nova Iorque, onde vendem suas obras de arte, como esculturas, pinturas, e outras, para museus, empresas, organizações e outras pessoas interessadas. Muitos destes artistas possuem seus estúdios, onde eles criam suas obras de arte, em hangares e depósitos abandonados. Estas estruturas foram abandonadas por indústrias que se moveram para os subúrbios.

Nova Iorque possui muitos tipos de museus. O Metropolitan Museum of Art é o maior museu dos Estados Unidos, possuíndo mais de dois milhões de obras de arte, que representam culturas dos últimos cinco milênios. Mesmo ocupando quatro quarteirões inteiros, o museu tem espaço suficiente para mostrar apenas uma pequena parcela de suas obras de arte por vez.
O The Cloisters é uma seção do Metropolitan dedicado especialmente para a arte europeia, da Idade Média, e é desenhado como se fosse um monastério medieval.
Muitos museus especializaram-se em obras de arte modernas, como o Museum of Modern Art. em Manhattan, e o Guggenheim Museum. O Frick Collection possui coleções de pinturas que datam do século XIV até o século XIX.



O American Museum of Natural History é o maior museu de história natural do mundo. Diversos museus menores estão espalhados, muitos deles em universidades e pontos turísticos.

O esporte mais famoso em Nova Iorque é o beisebol, em contraste com outras grandes cidades americanas, onde o futebol americano possui a preferência. Nova Iorque possui duas equipes ligadas à Major League Baseball: o New York Yankees, membro da Liga Americana e maior vencedor da história da MLB, com 27 títulos, e o New York Mets, membro da Liga Nacional. As partidas entre essas duas equipes são chamadas de "Subway Series" (série do Metrô). Apenas uma vez na história Yankees e Mets se enfrentaram em uma Série Mundial. Foi no ano de 2.000.
A região metropolitana de Nova Iorque possui ainda três times de basquete (New York Knicks e o Brooklyn Nets, que disputam a NBA, e o New York Liberty, time de basquete feminino); três times de hóquei sobre o gelo (New York Rangers, New York Islanders e o New Jersey Devils), dois times de futebol americano (New York Giants e o New York Jets), e um time de futebol (New York Red Bulls).

Um evento importante é a Maratona de Nova Iorque, cujo percurso inclui todas as cinco regiões da cidade. Outro grande evento esportivo anual da cidade é a disputa do US Open, um dos quatro Grand Slam (maiores torneios de tênis do mundo).

http://pt.wikipedia.org/wiki/Nova_Iorque
http://aeducacao.com/lindas-fotos-da-cidade-de-nova-york/



O aeroporto John F. Kennedy, situa-se em Nova York, na seção sudeste do Queens, na baía Jamaica. Ele fica a 25 km da cidade pela estrada de Midtown Manhattan. Os pontos de referência geográfica são 40'38'25 Norte, 73'46'41' Oeste.
O JFK tem um tamanho equivalente a 1.776 hectares, incluindo 880 no Área do Terminal Central (CTA). O aeroporto tem mais de 48 km de estradas e é 4 m acima do nível do mar.
O aeroporto é operado pela Port Authority of New York and New Jersey.
É um dos aeroportos mais movimentados do país, especialmente a nível de voos internacionais, e foi inaugurado a 1 de Julho de 1.948,  com o nome de Aeroporto de Idlewild.
Em 1.963, o aeroporto foi rebatizado como Aeroporto John F. Kennedy, em homenagem ao presidente dos Estados Unidos da América que fora recentemente assassinado em Dallas.
A partir de 1.977, o JFK passou a acolher os voos do Concorde, o que aconteceu até 2.003. Era o aeroporto que mais operações recebia do Concorde, até este avião supersônico ser retirado de circulação.
A 19 de Março de 2.007, o JFK foi o primeiro aeroporto dos Estados Unidos da América a receber o novo Airbus A380 com passageiros a bordo.
Ao longo dos anos, houve vários acidentes com aviões no aeroporto nova-iorquino. A 16 de Dezembro de 1.960, um aparelho da United Airlines colidiu com um da TWA quando se aproximava da pista e ambos caíram no solo.
Morreram 127 pessoas que iam a bordo dos aviões e cinco que estavam no solo. A 24 de Junho de 1.975, durante uma tempestade, um Boeing da Eastern Airlines falhou a aterragem e morreram 122 pessoas que iam a bordo. Já em 12 de Novembro de 2.001, um Airbus da American Airlines despenhou-se em Queens pouco depois de levantar do JFK e morreram as 260 pessoas que seguiam no aparelho, assim como cinco pessoas em terra.



O aeroporto é atendido pela rede de trens urbanos conhecida como Air Train JFK.
O JFK tem cerca de 35.000 funcionários trabalhando para o funcionamento do aeroporto, contribuindo com um lucro de U$ 30.1 bilhão para as atividades econômicas de Nova York/Nova Jérsei.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Aeroporto_Internacional_John_F._Kennedy


O Metropolitano de Nova Iorque é um sistema de metropolitano que pertence à Cidade de Nova York e que é administrado pela New York City Transit Authority , uma agência subsidiada pela Metropolitan Transportation Authority, também conhecida como MTA New York City Transit. É um dos mais velhos e extensos sistemas de transporte público do mundo, atrás apenas do metrô de Londres, com 468 estações em operação (423, se as estações de conexão por

transferência forem consideradas uma só), 369 km de serviços, 1.056 km de trilhos, 1.355 km de trilhos incluindo pátios e estacionamento de trens. Em 2.009 o metrô realizou mais de 1.579 bilhões de viagens, com uma média de cinco milhões (5.086.833) nos dias de semana, 2.9 milhões aos sábados e 2.2 milhões aos domingos.


O Metropolitano de Nova Iorque compara-se somente com os metropolitanos de Tóquio, Seul e Moscow no que diz respeito à ocupação do espaço e carrega mais passageiros que todos os outros sistemas de metrô dos Estados Unidos combinados. Ele é um dos quatro únicos sistemas no mundo, juntamente com o PATH, o Chicago 'L' e o PATCO, a funcionar 24 horas por dia, 365 dias por ano.
As estações de metrô da cidade de Nova York estão localizadas em todo os distritos de Manhattan, Brooklyn, Queens e Bronx. Todos os serviços passam por Manhattan, exceto o Franklin Avenue Shuttle, localizado no Brooklyn, o Rockaway Park Shuttle, no Queens e o Brooklyn–Queens Crosstown Local (Serviço G) conectando Brooklyn e Queens apenas. Todas as 468 estações do metrô são servidas 24 horas por dia. Isso não é algo muito comum no mundo.
Uma das entradas da estação Times Square – 42nd Street, a mais movimentada de todo o metrô de Nova Iorque.
Muitas linhas e estações têm os serviços expresso e local. Estas linhas têm três ou quatro faixas: normalmente, as duas exteriores são usadas para trens locais e as interiores são usadas para os trens expressos. Estações servidas por trens expressos geralmente são pontos de grandes movimentação ou de transferência.
A história do Metrô de Nova Iorque inicia-se muito antes da inauguração oficial da primeira linha, em 27 de Outubro de 1.904. Mesmo antes da construção desta, muitos outros projetos haviam sido idealizados e alguns até chegaram a ser construídos e operados por empresas independentes. A real expansão de sistema ocorreu no começo do século XX.


Como funciona o New York Pass?

O New York Pass é um "cartão inteligente" - como um cartão de crédito com um chip dentro do computador - que permite descontar completamente entrada gratuita para mais de 80 atrações turísticas de Nova York. É um pouco como um "all you can eat" buffet - uma vez que você comprou o New York Pass você não tem que pagar para entrar em qualquer das atrações abrangidos pela passagem.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Metropolitano_de_Nova_Iorque
http://www.newyorkpass.com/En/how-it-works/




Os táxis de Nova Iorque, caracteristicamente amarelos, são um símbolo mundialmente conhecido da cidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos. Os táxis são operados por empresas particulares e licenciados por um órgão municipal chamado New York City Taxi and Limousine Comission, responsável pelos mais de 13 mil táxis que rodam na cidade. O órgão também é responsável pelo controle dos mais de 40 mil carros de aluguel disponíveis em Nova Iorque, incluindo as vans. Os táxis amarelos são os únicos veículos com permissão de pegar passageiros em Nova Iorque em resposta a um aceno na rua.
http://pt.wikipedia.org/wiki/T%C3%A1xis_de_Nova_Iorque


The Big Apple (A Grande Maçã) é um apelido da cidade americana de Nova Iorque, que se popularizou na década de 1.970. Não se sabe ao certo sua origem, mas acredita-se que a expressão data de 1.921, quando foi usada numa coluna de corrida de cavalos, em um jornal da cidade, o New York Morning Telegraph. A coluna foi escrita por John J. Fitzgerald, que creditou posteriormente, em 18 de fevereiro de 1.924, trabalhadores afro-americanos que trabalhavam em um estábulo em pista de corrida de cavalos, em New Orleans.

Este termo foi criado na década de 70, quando Nova Iorque ainda exportava as famosas maçãs. O governo nova iorquino achou este termo um bom incentivo para a exportação de maçãs, pois estavam passando por uma crise repentina devido as acusações da Coreia do Norte de estarem usando as maçãs como forma de chamarem imigrantes para trabalhar nas fábricas, mas estavam na verdade implantando eles no exército americano.
A propaganda se popularizou e muitos americanos passaram a chamar seu país de "a grande maçã". Mas a Coreia do Norte continuava com ataques repentinos, tudo para estimular seu crescimento econômico em função ao capitalismo. Existem também outras versões sobre o apelido "a grande maçã", mas este foi reconhecido pela OCS (Organização de Capacitação das Siglas).
Até a década de 1.960, o "Big Apple" era conhecido apenas como um nome antigo para Nova Iorque. No início dos anos 1.970, porém, da Convenção de Nova Iorque e Visitors Bureau (agora NYC & Company, o funcionário marketing e organização para o turismo New York City), sob a liderança de seu presidente, Charles Gillett, começa a promoção do "Big Apple", como a cidade do moniker. Manteve-se popular desde então. O Prefeito Rudolph W. Giuliani, em 1.997 assinou legislação designa o canto sudoeste de West 54th Street e Broadway, o canto em que John J. Fitzgerald residiu 1.934-1.963, como "Big Apple Canto." - Desde 1.;980, o New York Mets, o estádio de beisebol tem caracterizado um chapéu como um "Big Apple" sobe a partir de quando um Mets jogador acerta um home run!
http://pt.wikipedia.org/wiki/Grande_Ma%C3%A7%C3%A3


O Grande Gatsby é um romance escrito pelo autor americano F. Scott Fitzgerald. Publicado pela primeira vez em 10 de abril de 1.925, a história passa-se em Nova Iorque e na cidade de Long Island durante o verão de 1.922, e é uma crítica ao "Sonho Americano".
O romance relata o caos da Primeira Guerra Mundial. A sociedade americana vive um nível sem precedentes de prosperidade durante a década de 1.920, assim como a sua economia.
Ao mesmo tempo, a proibição de produção e consumo de bebidas alcoólicas, ordenada pelo 18° aditamento, fez grande número de milionários fora do circuito de venda de mercadorias e provocou um aumento do crime organizado.
Embora Fitzgerald, assim como Nick Carraway no seu romance, idolatre os ricos e o glamour da época, ele não se conformava com o materialismo sem limites e a falta de moral, que traziam consigo uma certa decadência.
The Great Gatsby não se popularizou logo na sua primeira edição, vendendo menos de 25.000 cópias durante os 15 anos restantes da vida de seu autor.
Embora o livro tenha sido adaptado para uma peça da Broadway, e um filme de Hollywood, após um ano de publicação, ele foi esquecido durante a Crise de 1.929, e a Segunda Guerra Mundial.

Mais tarde, em 1.945 e 1.953, foi republicado e difundiu-se rapidamente ao encontrar um grande número de leitores, e agora a obra é frequentemente considerada como o Grande romance americano e um clássico literário. Atualmente "O Grande Gatsby" tornou-se o texto padrão em todas as escolas superiores e universidades em todo o mundo que estudam a literatura dos Estados Unidos.

A obra está classificada em segundo lugar no top 100 das melhores novelas do século XX. 
Uma nova montagem do famoso filme “O Grande Gatsby”, adaptação do romance de 1.925 de F. Scott Fitzgerald, foi lançada em junho de 2.013. Dirigida por Baz Lurhmann e tendo no elenco Leonardo DiCaprio, Carey Mulligan e Tobey Maguire.
Figurinos de Miuccia Prada, joias especialmente criadas pela Tiffany & Co, uma trilha sonora com pesos pesados como Jay- Z, Brian Ferry, Lana Del Rey e Florence and the Machine entre outros. 








A trama acontece em Nova Iorque e na cidade de Long Island durante o verão de 1.922 e é uma crítica ao "Sonho Americano". Já teve 5 montagens anteriores a última de 1.974 com Robert Redford e Mia Farrow.


http://pt.wikipedia.org/wiki/O_Grande_Gatsby_(livro)
http://ouseserquemvocee.blogspot.com.br/2013/05/dicas-da-maria-ester-tiffany-miuccia.html

Comprar na Cidade de Nova Iorque é fantástico. A maioria dos artigos em Nova Iorque serão mais baratos do que em outros países. Na maioria dos casos, muito mais baratos, independentemente de você comprar uma peça de joia cara ou jeans comuns. Como tudo na cidade de Nova Iorque, as compras não são apenas uma oportunidade de ter acesso a uma variedade de opções e atualizar seu guarda-roupa, mas são também uma experiência divertida com muitas emoções positivas, quase eufóricas, que você vive durante o processo.
É bastante conveniente o fato de que quase todas as lojas tem um site, e você pode visualizar as variedades e os preços antes de iniciar sua maratona de compras.

Se estiver vindo de outro país, é importante notar que embora possa encontrar quase tudo nas lojas de Nova Iorque, tenha em mente que a seleção é imensa. Além disso, o número de lojas é enorme, as áreas das lojas são extra grandes, e as distâncias são muito grandes, por isso é aconselhável definir alguns”alvos” básicos e navegar pelo resto se houver tempo, energia e espaço ainda em sua mala.
De qualquer maneira, as compras por impulso serão adicionadas durante o processo, de diamantes a lenços.
Para não estragar sua experiência de compras, não se esqueça de que algumas compras são tributadas, e o imposto não está incluído na etiqueta de preço.
A cidade de Nova Iorque é onde estão muitas lojas principais das melhores marcas de grife mundiais. Localizadas principalmente na Madison ou na Quinta Avenida, é mais do que apenas um shopping. Parece mais um filme, e você está desempenhando um papel principal no mesmo. Só as mais recentes coleções e um serviço impecável.

As impressões que você terá, juntamente com a compra de um novo par de sapatos ou uma bolsa exclusiva, nunca sairão de moda e irão ficar em sua mente para sempre.
Você pode encomendar um serviço de compras personalizadas em lojas de departamento de Nova Iorque. Este serviço é gratuito e não o obriga a comprar nada, mas deve ser solicitado mediante contato antecipado com a loja. O que poderia ser melhor do que escolher o seu novo guarda-roupa com uma taça de champanhe na mão?
Sempre verifique com o balcão de informações, uma vez que quase sempre há um desconto adicional para os visitantes estrangeiros. Isso exige uma prova de identidade que confirme o seu país de residência. Você receberá um cartão de desconto, portanto, não se esqueça de mostrá-lo ao pagar as compras.

http://www.novaiorque-online.com/pt/shopping/designer-store/recommended
http://www.novaiorque-online.com/pt/shopping/department-stores/recommended  


Manhattan Apple Store 
Deslumbrante, você tem que conhecer!! Maravilhosa arquitetura, em plena 5ª Avenida um grande cubo de vidro bem em frente à FAO Schwartz, lembrando a pirâmide do Louvre é a entrada da megastore da Apple recheada de novidades que  a gente adora, como iPad2, iPad mini,  iPhone 5, Apple TV, iPod Shuffle, o novo iPod Nano com câmera... e todos acessórios da Apple!
Steve Jobs gastou US$ 9 milhões só de vidro! A loja fica no subsolo e tem até um IPod Bar para bebericar e também baixar musicas, durante 24 hs. Lá em cima... é a rua! (767, 59th St. com 5ª Ave.) 
Apple Store Grand Central
Recheada de novidades!! O espaço é maravilhoso, no mezanino, subindo as escadarias, vale a visita!! Prático para quem está de passagem dar uma olhada nas novidades; como Olliclip, lentes para seu iPhone... Horários: 2ª à 6ª das 7 às 21h, sáb. às 10 às 19h e dom. das 11 às 18h (89 East 42nd Street, lado East) 
Apple Store West 14th Street

A nova loja da aberta é outro show de arquitetura numa esquina do  Meatpacking District . Também com workshops gratuitos é uma bela oportunidade para você pegar as "manhas" e descobrir como se usa tudo que tem a maçã! Tipo; iPad2,  iPhone5, iPod Nano, iPadmini, iPhotoHands, Garage Band, iPhone e iTunes, Mac OS X Snow Leopard, MobileMe Woks, etc. Pode até agendar um personal shopper aqui não é o máximo? 
http://www.vamosparanovayork.com/compras.htm#LOJAS___MUITO___LEGAIS___

Shoe Mania
A maior loja de sapatos de Manhattan. Marcas de todos os tipos, como Mephisto, Ecco, Rockport, Clarks, Timberland, Dansko, Merrell, Nike, Puma, Adidas, Diesel, Steve Madden, Kenneth Cole, Lacoste, Cole Haan, Justin, Via Spiga...resista se for capaz!
Para homens e mulheres, para chuva, botas, além de tênis, sandálias e bolsas. Aberta de 2ª à sáb. das 9 às 20h, e dom. até às19h, perto da Central Station. (Vários end. entre eles: 331 Madison Avenue, entre  42nd & 43rd Str.) 

http://www.vamosparanovayork.com/compras.htm#LOJAS___MUITO___LEGAIS__


Paragon Sports 
Loja tipo sonho para esportistas em geral! Tudo para apaixonados por bike, corrida, maratona, triathlon, esqui, skate, acessórios, tênis, capacetes, luvas, mochilas, etc... Jansport, Adidas, The North Face, Salomon, Gore Bike Wear, FootJoy, Nike, Victorinox, Wilson, Rollerblade, etc. Horários: 2ª à 6ª 10 - 20:30h, sáb. até às 20h e domingo 11 - 19h. (867, Broadway, com a 18th, metrô 14th Street, Union Square).
http://www.vamosparanovayork.com/compras.htm#LOJAS___MUITO___LEGAIS__


Existem 117 Marcos Históricos Nacional (NHLs) na cidade de Nova Iorque . Eles estão distribuídos nos 5 condados da cidade, sendo que o condado de Nova Iorque abrange 90 marcos, ou seja, 77% do total, seguido pelo condado de Kings com 10 marcos, condados de Bronx e Richmond com 7 marcos cada um e o condado de Queens com 4 marcos.

O primeiro marco da cidade de Nova Iorque foi designado em 9 de outubro de 1.960 e os mais recentes em 16 de outubro de 2.012.

Dois marcos são compartilhados entre dois condados do estado de Nova Iorque: Ponte do Brooklyn e Aqueduto Croton (Antigo), enquanto o Holland Tunnel é compartilhado com o estado de Nova Jersey. 


O Central Park é um grande parque dentro da cidade de New York, no estado de mesmo nome. Possui uma área de 3,4 km² (341 hectares), e está localizado no distrito de Manhattan. Foi inaugurado em 1.857, com 843 acres (ou 341 hectares), e é considerado, por muitos nova-iorquinos, um oásis dentro da grande floresta de arranha-céus existente na região.
É um lugar onde as pessoas podem diminuir o ritmo frenético de New York: as pessoas podem sentar em um banco e ler o jornal, conversar com os amigos, jogar, andar de bicicleta ou brincar com as crianças.
Com os aproximadamente vinte e cinco milhões de visitantes anualmente, o Central Park é o parque mais visitado da cidade e aparece em muitos filmes e programas de televisão, tornando-o conhecido no mundo todo.
É famoso por ser sede de grandes filmes e programas estadunidenses famosos.
Em 1.858, Frederick Law Olmsted e Calvert Vaux (que criou mais tarde o Brooklyn's Prospect Park) foram os vencedores do concurso de design "Greensward Plan" para melhoria e expansão do parque. A construção começou naquele mesmo ano e continuou, durante a Guerra Civil Americana, sendo completada em 1.873.
Embora o parque pareça natural, ele é, na verdade, ajardinado quase inteiramente e contém diversos lagos artificiais, trilhas para caminhadas, duas pistas de patinagem no gelo, um santuário vivo e campos diversos. Considerado pelo Guiness Book o lado verde de New York, o parque foi projetado para dar um clima aconchegante a cidade e esquecer os arranhas-céus espalhados por todos os lugares.
O parque foi designado, em 15 de outubro de 1.966, um distrito do Registro Nacional de Lugares Históricos bem como, em 23 de maio de 1.963, um Marco Histórico Nacional. É atualmente gerido pelo Central Park Conservancy sob contrato com a prefeitura da cidade. O Central Park Conservancy é uma organização sem fins lucrativos que contribui com 83,5% da verba anual do parque (que totalizam 37,5 milhões de dólares por ano) e emprega 80,7% da equipe de manutenção do parque.

O Central Park, que desde 1.962 é um Marco Histórico Nacional, foi projetado pelo escritor e paisagista Frederick Law Olmsted e pelo arquiteto inglês Calvert Vaux em 1.858, depois de vencerem uma competição. Eles também projetaram o Brooklyn's Prospect Park.


O Central Park é limitado, ao norte, pela West 110th Street, ao sul pela West 59th Street, ao oeste pela Eighth Avenue. Ao longo das margens do parque, essas ruas são conhecidas como Central Park North, Central Park South, e Central Park West respectivamente. Somente a Quinta Avenida "Fifth Avenue" que margeia o parque ao leste, não muda de nome.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Central_Park
http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Marco_Hist%C3%B3rico_Nacional_em_Nova_Iorqu



O memorial Strawberry Fields localizado no Central Park é dedicado à memória de John Lennon, que foi assassinado em Nova York.
O memorial foi projetado por Bruce Kelly, o arquiteto-chefe da paisagem para o Central Park Conservancy . Strawberry Fields foi dedicado em que teria sido o 45 º aniversário de Lennon, 09 de outubro de 1.985, pelo prefeito de Nova York Ed Koch e viúva de Lennon, Yoko Ono , que tinha subscrito o projeto.
A entrada para o memorial está localizado no Central Park West at West 72nd Street, em frente ao Dakota Apartments , onde Lennon vivia para a parte posterior de sua vida, e onde ele foi assassinado em 1.980. O memorial é uma peça triangular de terra caindo sobre os dois lados do parque, e seu ponto focal é um mosaico circular de pedras incrustadas, com uma única palavra, o título da famosa canção de Lennon: " Imagine ". 
http://en.wikipedia.org/wiki/Strawberry_Fields_(memorial)


The Concert in Central Park é um álbum ao vivo lançado em 1.982 pela dupla de folk rock Simon & Garfunkel. A gravação foi registrada durante um concerto beneficente realizado em 19 de setembro de 1.981 no Central Park, em Nova York, presenciado por mais de 500.000 pessoas. A apresentação marcou a reunião temporária de Paul Simon e Art Garfunkel, e os lucros obtidos foram utilizados para a reforma e manutenção do parque.


O conceito de uma apresentação beneficente no Central Park foi proposto por Gordon Davis, responsável pela administração do local, e apoiado pelo promotor de shows Ron Delsener. O canal de televisão HBO concordou em organizar o evento, trabalhando então com Delsener para contratar a apresentação de Simon & Garfunkel. O show foi aberto pelo prefeito de Nova York, Ed Koch, seguido pela dupla apresentando 22 canções, num repertório que incluía seus maiores sucessos, covers e destaques de suas carreiras solo. Duas das músicas apresentadas acabaram não incluídas no álbum.


A gravação foi lançada em LP e VHS um ano depois. Aclamada pela crítica, resultou num imenso sucesso para os músicos, alcançando a sexta colocação na parada musical da Billboard e recebendo a certificação de platina dupla pela Recording Industry Association of America.

http://pt.wikipedia.org/wiki/The_Concert_in_Central_Park




Concerto-One Night in Central Park é um álbum ao vivo de um concerto pop do cantor clássico italiano Andrea Bocelli realizado em novembro de 2.011 no Central Park de Nova Iorque, EUA. No Brasil, esse álbum recebeu uma certificação de Disco de Ouro, pela mais de 15 mil cópias vendidas no país, comprovados pela ABPD.
O concerto foi patrocinado pela empresa alimentícia italiana Barilla em parceria com a Prefeitura de Nova Iorque, e gravado no Great Lawn do Central Park em 15 de setembro - um dia chuvoso.


Nos bastidores, Bocelli revelou a emoção de gravar um álbum ao vivo em Nova Iorque, cidade que têm sido o principal destino de cantores de ópera na atualidade. O Prefeito, Michael Bloomberg, também confessou ter "satisfação em receber Bocelli para um concerto no Central Park".



No palco, Bocelli foi acompanhado pela Orquestra Filarmônica de Nova Iorque, conduzida por Alan Gilbert, e também pelo Westminster Choir (de Nova Jérsei).
Entre os artistas convidados estiveram Celine Dion, Tony Bennett, Bryn Terfel, Ana María Martínez e Pretty Yende; além dos instrumentistas Chris Botti, Andrea Griminelli e Nicola Benedetti.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Concerto:_One_Night_in_Central_Park


Times Square é a denominação da área formada na confluência e cruzamento de duas grandes avenidas da cidade de Nova Iorque, Estados Unidos; podendo ser definida como uma grande praça ou largo, composta por vários cruzamentos e esquinas. A área está localizada na junção da Broadway com a 7ª Avenida, entre a ruas 42 Oeste e 47 Oeste, na região central de Manhattan.
É uma área comercial, onde todos os prédios são obrigados a instalar letreiros luminosos para propósitos de publicidade.
Cabe ressaltar que a Times Square não trata-se de uma rua ou avenida, uma vez que não existe nenhuma via trafegável registrada e denominada como tal no Guia Oficial de Ruas e Endereços da Cidade de Nova Iorque;
tampouco pode ser tratada como uma simples esquina, já que a área mapeada pela prefeitura da cidade incluía oficialmente 12 cruzamentos de vias públicas, tendo sido mais recentemente modificada para atender o grande fluxo de turistas e transeuntes, com a definição de áreas exclusivas para pedestres. 
Times Square é parte do distrito de teatros da Broadway, sede de famosas peças teatrais.

Na Times Square está localizada a NASDAQ, uma das principais bolsas de valores do mundo. Entre seus pontos comerciais mais conhecidos estão os estúdios da rede de televisão ABC, de onde o programa matinal Good Morning America é transmitido ao vivo, bem como os famosos estúdios MTV e da Virgin Records.

O local possui uma das maiores concentrações da indústria do entretenimento no mundo, além de grandes lojas de famosas marcas internacionais, e obviamente congrega inúmeros anúncios luminosos de publicidade que durante a noite tornam-se uma atração peculiar.
É também na Times Square que se pode assistir a uma das maiores festas de passagem de ano do planeta, contando sempre com inúmeros recursos visuais e pirotecnia.
Times Square significa "Praça do Tempo", e até abril de 1.904 era conhecida como Longacre Square, nome original dado pelos colonizadores britânicos. O local teve seu nome mudado em função da construção do edifício que durante muitos anos serviu

para abrigar os escritórios centrais do jornal New York Times, o Times Building, hoje conhecido como One Times Square.
Atualmente é o ponto turístico mais visitado do mundo, com cerca de 39 milhões de visitantes por ano, recebendo mais turistas do que a Estátua da Liberdade.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Times_Square



29 anos celebrando o Brasil e os brasileiros
Há 29 anos promovemos o Dia do Brasil em Nova York, desde 1.984, na rua 46, também conhecida como Little Brazil, com a 6ª Avenida, O Dia do Brasil ocupa hoje 25 quarteirões.
O festival começou com um pequeno grupo de brasileiros que queriam celebrar o dia da independência. Desde então, tornou-se tradicional em New York, e é hoje considerado o maior evento étnico de Manhattan, atraindo um público multicultural, representando as várias camadas sócio-econômica e culturais de todas as partes dos Estados Unidos.
Em 2.012, de acordo com dados do Departamento de Polícia de Nova York, 1.5 milhão de pessoas vieram ao Dia do Brasil, lotando a área durante todo o dia.

O Dia do Brasil é hoje um dos maiores eventos de rua de Nova York e o maior evento brasileiro fora do Brasil.
Os promotores do Dia do Brasil, o jornal The Brasilians e o BACC (Brazilian-American Cultural Center), com apoio da TV Globo Internacional, esperam para 2.013 uma multidão ainda maior para a celebração.
O Dia do Brasil não é somente um festival celebratório, mas transformou-se também no grande celeiro da identidade e das comunidades brasileiras. É neste dia que brasileiros, vindos de todos os cantos dos EUA se reúnem, tornando-se visíveis, atingíveis, unidos na alegria de exibir o orgulho de ser brasileiro e viver a sensação, longínqua, de pertencer a uma grande família.
Em New York e na área dos três estados, vive uma comunidade brasileira estimada em meio milhão de pessoas. É uma comunidade sólida e estável, composta das classes trabalhadora e executiva, com um pequeno número de novos imigrantes.
O evento também atrai um público diversificado, de americanos e residentes multiculturais interessados no Brasil, ou simplesmente curiosos, alem dos turistas de diversos países levados pela beleza do dia.

O Dia do Brasil em Nova York cresce a cada ano.
Celebrando o Dia da Independência, celebra-se de fato, a presença brasileira nos EUA, do expatriado, muitas vezes sem nome nem número, que veio trabalhar e daqui sustenta família deixada no Brasil, contribuindo para o crescimento do país para o qual, um dia, pretende voltar.
O festival reforça a identidade do brasileiro e oferece uma imagem positiva do Brasil. A primeira providência do expatriado, ao se legalizar nos EUA, é voltar ao Brasil para rever família e amigos. Ele também se transforma em um grande turista em potencial, com orgulho descobrindo os quatro cantos do país.
O evento é promovido pela mídia principal em Nova York e transmitido ao vivo para 68 países do mundo pela Rede Globo Internacional.
A comunidade brasileira – Perfil
A maior comunidade brasileira nos EUA é de Nova York, na área dos três estados, (New York, New Jersey e Connecticut), com um total geral estimado em cerca de meio milhão. A comunidade é sólida e estável, com classe trabalhadora atuante, com negócios de toda ordem, mostrando um pequeno segmento de imigrantes recentes, todos com fortes laços familiares e interesses comerciais no Brasil.
O evento também atrai americanos e uma audiência multicultural interessados no Brasil e sua cultura. Não há registro oficial da quantidade de brasileiros que hoje vive no país. Entretanto, a ONG Brazil Information Center (BIC), localizada em Washington DC, recentemente estimou a população brasileira nos E.U.A em mais de um milhão de pessoas.
De acordo com o BIC, existem pelo menos 500 mil brasileiros na área dos três estados, 100 mil deles situados em Queens, NY.

O Dia do Brasil hoje consta do calendário oficial da cidade e, com o passar dos anos, tornou-se um dos mais importantes acontecimentos étnicos, figurando em nível de importância e prestígio entre as concorridas paradas da Quinta Avenida.
http://www.brazilianday.com/informacoes/

A Fifth Avenue ou 5th Avenue ou ainda 5º Avenida é uma avenida extremamente movimentada de Manhattan, em New York, nos Estados Unidos da América. Vai desde a rua Norte da praça Washington Square Park/Waverly Place(6th Street)em Midtown até a 143rd Street/Harlen River Drive, Harlen e devido às propriedades caras de particulares e mansões históricas que possui em toda a sua extensão, é um símbolo de riqueza de Nova Iorque.
É uma das melhores ruas para fazer compras no mundo, e também uma das mais caras ruas do mundo. Foi fundada por Joseph Winston Herbert Hopkins, e é a avenida que divide as ruas de este e de oeste de Manhattan, bem como o ponto número zero para os números das ruas (que aumentam em ambas as direções quando se afasta da Fifth Avenue).

É uma avenida de apenas um sentido e é também alvo do trânsito da Downtown de Manhattan. É referida algumas vezes como a Fashion Ave (Avenida da Moda), embora a verdadeira Fashion Ave seja a 7th Avenue. Estende-se desde o lado norte do Washington Square Park, atravessando a Midtown , o Upper East Side e Harlen.
Até ao início da década de 1.960, a Fifth Avenue suportava tráfego de automóveis em ambos os sentidos, mas atualmente apenas tem dois sentidos a norte da 135th Street.
Muitos locais notáveis e edifícios famosos estão situados ao longo da Fifth Avenue, desde Midtown até ao Upper East Side. Em Midtown encontra-se o Empire State Building, a Biblioteca Pública de New York, o Rockefeller Center e a Catedral de St. Patrick.
O trecho da Fifth Avenue da década de 1.980 e da década de 1.990 (da Rua 82 à Rua 105) tem uma quantidade suficiente de museus para ter adquirido a alcunha de Museum Mile e inclui museus como o Metropolitan Museum of Art e o Museu Solomon R. Guggenheim. Essa área era conhecida no começo do século XX como a Millionaire’s Row (Linha dos Milionários) depois de os nova iorquinos mais ricos construírem lá as suas mansões com vista para o Central Park.

Entre a 60th Street e a 34th Street, a Fifth Avenue é uma zona de compras popular, com várias lojas de luxo.
Entre a 58th Street e a 59th street, este encontra-se o cubo de vidro da Apple Inc. que serve de entrada para a loja principal da Apple completamente subterrânea.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Quinta_Avenida

Madison Square é formada pela intersecção de Fifth Avenue e Broadway na 23rd Street na cidade de Nova York bairro de Manhattan . A praça recebeu o nome de James Madison , o quarto presidente dos Estados Unidos e o principal autor da Constituição dos Estados Unidos.
O foco da praça é Madison Square Park, parque público, que é delimitado a leste pela Madison Avenue (que começa no canto sudeste do parque em 23 Street), ao sul por 23 Street; ao norte pela 26th Street , e no oeste pela Quinta Avenida e Broadway.
O parque e a praça são no extremo norte (uptown) do Distrito Flatiron bairro de Manhattan. 
Madison Square é provavelmente mais conhecido em todo o mundo para fornecer o nome do Madison Square Garden , uma arena de esportes e seu sucessor, que foram localizado a nordeste do parque por 47 anos, até 1.925. O atual Madison Square Garden, não está mais na área.
Os edifícios notáveis ​​ao redor de Madison Square incluem o Flatiron Building , o Centro de Toy , o New York Life Building , o New York Merchandise Mart , o Palácio da Justiça Divisão de Apelação , a Torre Met Life e One Madison Park , uma nova torre de condomínio de 50 andares. 
A Madison Avenue é uma grande avenida que corre pela cidade de Nova Iorque, distrito de Manhattan, correndo num sentido norte-sul. É uma via pública de sentido único. Veículos podem transitar apenas para o norte. É uma avenida arterial de Nova Iorque, e uma das mais movimentadas da cidade. Está nomeada em homenagem a James Madison, o quarto presidente dos Estados Unidos.
http://en.wikipedia.org/wiki/Madison_Square
http://en.wikipedia.org/wiki/Madison_Avenue

Madison Square Garden, chamado às vezes simplesmente de MSG ou The Garden, é um complexo de quatro arenas localizado na cidade de Nova Iorque, Estados Unidos.
A primeira arena de hóquei foi inaugurada em 12 de fevereiro de 1.879, na Madison Square Garden. Desde então, a região da Praça Madison recebe eventos desportivos. A atual estrutura foi inaugurada em 11 de Fevereiro de 1.968.
Tem capacidade para quase 20 mil torcedores em jogos de basquetebol e 18 mil em jogos de hóquei no gelo.
Ali jogam quatro times profissionais da cidade, o New York Knicks (NBA), o New York Rangers (time de hóquei no gelo da NHL), o New York Liberty (WNBA) e o New York Titans (time de lacrosse da NLL). Madison Square Garden foi também o palco das primeira, décima, vigésima e provalvelmente trigésima edições da WrestleMania da WWE.

Recebeu o All-star game da NBA de 1.998, da WNBA de 2003 e 2006 da NHL de 1994, alguns jogos da Copa do Mundo de Hóquei no Gelo de 1996. Também recebeu confrontos de boxe históricos, com Joe Frazier contra Muhammad Ali.
Houve várias tentativas de mudar os Knicks e os Rangers - os principais usuários do ginásio - para o subúrbio da Nova Iorque e até para East Rutherford, New Jersey, todas sem sucesso.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Madison_Square_Garden


http://www.localnomad.com/pt/blog/2013/04/10/madison-square-garden-em-nova-york-o-mais-famoso-complexo-desportivo-do-mundo/






A Park Avenue é uma avenida na cidade de Nova York, localizada em Manhattan. Antigamente era conhecida como Fourth Avenue, tendo ainda esse nome após a Rua 14. É também chamada de Park Avenue South entre as ruas 17 e 32.



A Park Avenue possui um canteiro central com flores e plantas, sendo a begônia a mais popular, pois não existe um sistema de rega automático e esse tipo de planta suporta mais o sol quente.
Todos os anos a avenida recebe árvores de natal, uma tradição que começou em 1.945.
Originalmente chamada de "Avenida Quatro" (Fourth Avenue), a Avenida Park era um dos caminhos da New York e Harlem Railroad, uma das primeiras estradas de ferro dos Estados Unidos. O nome relacionado a um parque foi colocado devido a grande quantidade de áreas verdes presentes na vizinhança.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Park_Avenue


A Avenida Lexington (também chamada de Lexington Avenue, ou muitas vezes coloquialmente abreviada pelos nova-iorquinos como "Lex") é uma avenida na zona leste da cidade de Nova York, localizada em Manhattan, que leva para o sul. A via tem um sentido único de tráfego desde a rua 131 leste até o Gramercy Park com a rua 21. Ao longo dos seus 8.9 km de extensão, a Avenida Lexington atravessa o Harlem, Carnegie Hill, o Upper East Side, e o Murray Hill até seu ponto de origem, centrado no Gramercy Park. Depois do parque, entre a rua 20 e a rua 14 leste, o nome muda para Irving Place, onde está localizada a casa de shows Irving Plaza.
A Avenida Lexington quase se tornou famosa por uma cena clássica do cinema em 1.955.


No filme O Pecado Mora ao Lado, a atriz Marilyn Monroe vive um de seus momentos mais marcantes quando aparece em frente ao teatro Lexington Loew com a saia do seu vestido voando em ondas, devido ao vento causado pela passagem do metrô através das grades de ventilação da rua onde ela estava. No entanto a tomada gravada na Lexington com a rua 51 acabou sendo considerada inadequada por causa do grande barulho causado por milhares de pessoas presentes no local, acabando por ser refilmada em estúdio.


http://pt.wikipedia.org/wiki/Avenida_Lexington

O Metropolitan Museum of Art é um museu localizado na cidade de Nova Iorque, Estados Unidos.
Fundado em 20 de fevereiro de 1.820, é hoje um dos maiores e mais importantes museus do mundo e abriga uma importante coleção de pintura europeia dos séculos XII-XX e obras da arte antiga (grega, romana, egípcia e assírio-babilônica) e oriental. Estão também expostas nas suas salas pinturas e esculturas de artistas norte-americanos.
São muito importantes as seções dedicadas a instrumentos musicais, armas e indumentária.
O museu foi designado, em 24 de junho de 1.986, um edifício do Registro Nacional de Lugares Históricos bem como, na mesma data, um Marco Histórico Nacional.
Em 2.012 foi o segundo museu mais visitado do mundo, com 6.115.881 visitas.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Metropolitan_Museum_of_Art



O World Trade Center (WTC) é um complexo de edifícios na região de Lower Manhattan, Nova York, Estados Unidos, em substituição ao complexo original de sete prédios que anteriormente existia no local com o mesmo nome. O WTC original, caracterizado por marcantes torres gêmeas, foi inaugurado em 4 de abril de 1.973 e destruído durante os ataques de 11 de setembro de 2.001, juntamente com o World Trade Center. Os outros edifícios do complexo foram danificados nos ataques e suas ruínas foram então demolidas. O local está sendo reconstruído com cinco novos arranha-céus e um memorial para as vítimas dos ataques. Em novembro de 2.011, apenas um arranha-céu já havia sido concluído; os outros quatro estão previstos para serem concluídos até 2.020.


O One World Trade Center será o principal edifício do novo complexo, que se tornou o edifício mais alto da cidade de Nova York em 30 de abril de 2.012 e está previsto para ser concluído até 2.013. Uma sexta torre para o complexo ainda aguarda confirmação.



No momento da sua conclusão, o World Trade Center 1 (Torre Norte) e World Trade Center 2 (Torre Sul) originais, conhecidos em conjunto como "Torres Gêmeas", eram os edifícios mais altos do mundo. Os outros edifícios incluídos no antigo complexo eram o WTC 3 (o Marriott World Trade Center), WTC 4, WTC 5, WTC 6 e WTC 7. Todos estes edifícios foram construídos entre os anos de 1.975 e 1.985.

O custo da construção foi de 400 milhões de dólares. O complexo, localizado no coração do centro financeiro de Nova York, tinha 1.240.000 metros quadrados de espaço de escritórios.


O WTC 1 (Torre Norte) alcançou o topo de sua altura em 23 de dezembro de 1.970, enquanto o WTC 2 (Torre Sul) o atingiu em 19 de julho de 1.971. Os primeiros inquilinos se mudaram para a Torre Norte em dezembro de 1.970; a Torre Sul aceitou inquilinos em janeiro de 1.972. Quando as Torres Gêmeas do World Trade Center foram concluídas, o custo total para a Autoridade Portuária chegou a 900 milhões de dólares.A cerimônia de inauguração foi em 4 de abril de 1.973.


Ataques ou atentados terroristas de 11 de setembro de 2.001 (às vezes, referido apenas como 11 de setembro) foram uma série de ataques suicidas contra os Estados Unidos coordenados pela organização fundamentalista islâmica al-Qaeda em 11 de setembro de 2.001. Na manhã daquele dia, dezenove terroristas sequestraram quatro aviões comerciais de passageiros. Os sequestradores colidiram intencionalmente dois dos aviões contra as Torres Gêmeas do complexo empresarial do World Trade Center, na cidade de Nova Iorque, matando todos a bordo e muitas das pessoas que trabalhavam nos edifícios. Ambos os prédios desmoronaram duas horas após os impactos, destruindo edifícios vizinhos e causando vários outros danos. O terceiro avião de passageiros colidiu contra o Pentágono, a sede do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, no Condado de Arlington, Virgínia, nos arredores de Washington, D.C.
O quarto avião caiu em um campo aberto próximo de Shanksville, na Pensilvânia, depois de alguns de seus passageiros e tripulantes terem tentado retomar o controle da aeronave dos sequestradores, que a tinham reencaminhado na direção da capital norte-americana. Não houve sobreviventes em qualquer um dos voos.
Quase três mil pessoas morreram durante os ataques, incluindo os 227 civis e os 19 sequestradores a bordo dos aviões. A esmagadora maioria das vítimas eram civis, incluindo cidadãos de mais de 70 países. Além disso, há pelo menos um óbito secundário - uma pessoa foi descartada da contagem por um médico legista, pois teria morrido por doença pulmonar devido à exposição à poeira do colapso do World Trade Center.
Nos dias que se seguiram aos ataques, muitos memoriais e vigílias foram realizadas ao redor do mundo.
Além disso, as fotos foram colocadas em todo o Ground Zero. Uma testemunha descreveu ser incapaz de "se afastar dos rostos de vítimas inocentes que foram mortas. Suas fotos estão em toda parte, em cabines telefônicas, postes de luz, paredes de estações de metrô. Tudo o que me fez lembrar de um grande funeral, as pessoas caladas e tristes, mas também muito bom. Antes, New York me dava uma sensação de frio, agora as pessoas estavam chegando para ajudar umas as outras."

Um dos primeiros memoriais foi o "Tribute in Light", uma instalação de 88 holofotes no local onde ficavam as torres do World Trade Center que projeta duas colunas verticais de luz no céu. Em Nova Iorque, a concorrência pelo Memorial do World Trade Center realizou-se a concepção de um memorial apropriado no local.
O desenho vencedor, Refletindo Ausência, foi selecionado em agosto de 2.006 e consiste de um par de espelhos d'água no local onde estavam das torres, cercado por uma lista dos nomes de vítimas em um espaço memorial no subsolo. Os planos para um museu no local foram suspensos, na sequência do abandono do International Freedom Center, em reação às denúncias das famílias das vítimas.
http://pt.wikipedia.org/wiki/World_Trade_Center

http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/3/3b/September_17_2001.jpg/750px-September_17_2001.jpg


O World Trade Center 1 é o edifício principal do conjunto de prédios que estão sendo construídos no lugar das Torres Gêmeas, derrubadas no atentado de 2.001. Além de antenas, o topo vai ter um farol para iluminar a baía.
O novo WTC só deve ficar pronto em 2.014, mas já virou referência na paisagem de Nova York e a partir de agora é o prédio mais alto do ocidente.
O que causa estranheza é que, para ganhar esse título, ele contou com uma ajuda e tanto da antena, que representa mais de 20% da altura do prédio. Sem a antena, o WTC 1 seria apenas o nono mais alto do mundo.

Nos Estados Unidos, em Nova York, o novo World Trade Center se tornou o prédio mais alto do Ocidente. Na área em que estavam as torres gêmeas, derrubadas nos atentados de 2.001, foi instalada uma espiral de 758 toneladas no topo do WTC1 - que atingiu uma altura total de 541 metros.
http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2013/05/obra-do-primeiro-predio-do-world-trade-center-chega-ao-fim-em-ny.html
http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2012/04/30/world-trade-center-passa-a-ser-predio-mais-alto-de-nova-york.htm

Nova York testemunhou nesta segunda-feira, 25/06/2.012, o término da construção do primeiro arranha-céu do novo World Trade Center (WTC), a Torre 4, quase 11 anos depois dos atentados terroristas de 11 de Setembro de 2.001, que destruíram as Torres Gêmeas e tiraram a vida de quase 3 mil pessoas.


"Sempre achei que o novo World Trade Center seria um sucesso, e sempre acreditei no sul de Manhattan. Em pouco mais de um ano, a Torre 4 do WTC será a última novidade de nosso bairro", disse o corretor imobiliário Larry Silverstein, que obteve um contrato para alugar o complexo por 99 anos antes do 11 de Setembro.
A última viga de aço é elevada ao topo do 4º prédio do novo World Trade Center (WTC), em Nova York. A torre, de 298 metros, será inaugurada no final de 2.013. (Foto: Mark Lennihan / AP Photo)
Acompanhado de políticos como o republicano Peter King e quase uma centena de trabalhadores que participaram da construção do edifício, Silverstein e os demais presentes inscreveram seus nomes sobre a última viga da torre, que também foi assinada pelo presidente americano, Barack Obama, em sua última visita ao local antes conhecido como Marco Zero de Nova York.
Totalmente coberta por esses nomes e com uma grande bandeira americana pendurada, a viga foi alçada a quase 300 metros por um grupo de trabalhadores até ser instalada no ponto mais alto da Torre 4, enquanto o cantor de gospel BeBe Winans entoava "God bless America" (Deus abençoe a América).
Assim, o arranha-céu desenhado pelo arquiteto Fumihiko Maki, que contará com 72 andares quando for inaugurado oficialmente no final de 2.013, se transforma no primeiro prédio a ser construído do novo World Trade Center, um complexo que será composto por quatro torres.
Em uma foto feita sábado (23), mostra a torre 1 do WTC à esquerda e a torre 4, primeira a ser concluída. (Foto: Mark Lennihan / AP Photo)
A maior delas será a Torre 1, que em abril se tornou a mais alta de Nova York ao superar o emblemático Empire State Building e, quando for finalizada, entre o final de 2.013 e o início de 2.014, terá uma altura de 1.776 pés (541 metros), número simbólico que marca o ano da independência dos Estados Unidos.
Silverstein - encarregado da construção das torres 2, 3 e 4, enquanto a 1 está por conta da Autoridade Portuária de Nova York e Nova Jersey - afirmou que, quando o edifício abrir suas portas, "não o fará somente para seus inquilinos, mas para todos os nova-iorquinos".

Devido às divergências entre Silverstein e a Autoridade Portuária, que atrasaram o início da reconstrução do Marco Zero, a colocação da última viga da Torre 4 acontece três meses antes do aniversário de 11 anos do dia em que terroristas da al-Qaeda sequestraram dois aviões para que se chocassem contra as Torres Gêmeas, deixando 2.752 mortos.

"Presenciei o 11 de Setembro da minha casa. É difícil achar palavras adequadas para descrever a sensação de ver a primeira torre do novo World Trade Center completada, que agora está de pé depois daquela tragédia", disse o presidente da Assembleia Estadual de Nova York, Sheldon Silver.




Localizado em frente ao Memorial do 11 de Setembro, que consiste em duas enormes fontes localizadas exatamente no espaço que ocupavam as Torres Gêmeas, o novo edifício abrigará a sede da Autoridade Portuária e contará com espaço comercial e de escritórios.
http://g1.globo.com/mundo/noticia/2012/06/ny-conclui-1-predio-do-novo-wtc-quase-11-anos-apos-o-11-de-setembro.html


Chegando na 5ª Avenida com 34th St. respire fundo e olhe para cima. Quase um torcicolo e lá está ele; lindo e imponente como uma das marcas da cidade, famoso desde sempre !! O Empire State Building foi por muito tempo o prédio mais alto do mundo com 102 andares, de arquitetura ArtDeco e  construído em 1.931, atrai milhares de turistas de todas as partes do planeta . É possível subir ao 86º  andar onde há o observatório, onde se tem uma deslumbrante vista da cidade!! Desde que foi aberto, aproximadamente 100 milhões de pessoas estiveram lá.
Quem não se lembra de Debora Kerr e Cary Grant em "Tarde demais para Esquecer", torcendo para eles se encontrarem, assim como Meg Ryan e Tom Hanks na versão moderna? É um dos lugares mais românticos de Nova York! Muitos casamentos são realizados lá no 80º andar. Sem falar no "King Kong", "Manhattan", "Shaft", "Taxi Driver", "Superman"... etc. As crianças também vão curtir ver os arredores de  New Jersey, Connecticut, Pennsylvania, e Massachusetts. Aberto das 9:30 à meia-noite. 
http://www.vamosparanovayork.com/passeios.htm#Edifícios__famosos_______


Rockefeller  Center    
Símbolo do poder e da riqueza de Nova York, este complexo de 21 edifícios estende-se da 48th à 53rd St, entre a 5ª e a 6ª (Av.das Américas). Quando a Columbia University  adquiriu o local em 1.811, ali só existiam fazendas e um jardim botânico. Ao final do século apareceram luxuosas residências. Depois, durante a Lei Seca , em 1.928 John D. Rockefeller propôs um arrendamento até o ano de 2.069.


Assim tudo foi demolido para dar lugar a um enorme centro empresarial, com restaurantes, lojas. Para os fanáticos por TV, também é possível fazer um tour pelos estúdios da NBC e até participar das gravações de algum programa de auditório. (30 Rockefeller Plaza, entrada pela 5th Ave, entre 49th e 50th Street).

http://www.vamosparanovayork.com/passeios.htm#Edifícios__famosos_______





Chrysler  Building      
Este lindo edifício em estilo ArtDeco, ao ser concluído em 1.930 era o" mais alto arranha-céu do mundo" (poucos meses depois foi substituído pelo Empire State).É o templo indiscutível do automóvel: o topo tem a forma de um radiador, modelo 1.929 e sua fachada apresenta motivos automobilísticos estilizados. É o mais elegante prédio de escritórios e só é possível a visitação em seu lobby. À noite seu topo fica iluminado parecendo uma jóia! (405 Lexington Avenue com 42nd St.).
http://www.vamosparanovayork.com/passeios.htm#Edifícios__famosos_______  



Grand  Central  Terminal         
Totalmente reformada a Grand Central Terminal está fazendo 100 anos em 2.013, e vale uma visita!! (fora da hora do rush) Sua imensa estrutura tem o teto pintado super bonito com as constelações. Há uma variedade de lojas (68) tipo Banana Republic, Kenneth Cole, Swatch, Godiva, Children´s General Store ( uma loja de brinquedos educativos muito legal!!), outra bárbara Discovery Channel Store, tem até Apple Store! 35 cafés, tem até Magnólia Bakery e restaurantes como se você estivesse num shopping.
A estação é tão linda que   Karl Lagerfeld, realizou o desfile da Chanel. Para os fãs de ostras, não deixem de almoçar no Oyster Bar, o melhor da cidade! Você se lembrará de muitos filmes que foram  feitos lá... Para os loucos por basquete vale a pena ir ao restaurante do Michael Jordan´s Steak House, (eleito entre as 10 melhores steakhouses de NY) e aproveitar para comprar souvenirs com seu famoso número "23".  Há também um grande mercado de flores, frutas, frutos do mar, pães deliciosos. Aberta diariamente das 5:30 às 2h.(42nd Street entre a Park e Lexington Ave.) 
http://www.vamosparanovayork.com/passeios.htm#Edifícios__famosos_______    

O Oyster Bar, oficialmente a Grand Central Oyster Bar &amp Restaurant, é um restaurante de frutos do mar localizado no nível inferior do Grand Central Terminal em 42nd Street e Vanderbilt Avenue , em Manhattan , em Nova York . Foi inaugurado junto com o próprio terminal em 1.913 e está no negócio desde então, embora brevemente fechado para reformas, depois de um incêndio em 1.997. 
Como o próprio nome sugere, é especializado em frutos do mar . Tornou-se ao longo dos anos um dos marcos da cena culinária de Nova York, visitado por famosos.
Sua arquitetura apresenta os tetos abobadados com azulejos Guastavino, comuns na época de sua construção. O arco em frente ao restaurante também é famoso por uma acústica peculiaridade tornando-se uma galeria de sussurros pelo qual alguém de pé em um canto pode ouvir alguém parado no canto oposto perfeitamente, não importa como eles falam suavemente.


Jerome Brody em 1.974 assumiu o Oyster Bar e iniciou uma grande recuperação do lugar que estava decadente.
"A condição sine qua non do nosso sucesso esperado era que seria preciso uma rede dos melhores fornecedores, e que eu pessoalmente e minha esposa, Marlene procuramos. 

Em Maine buscamos lagosta. Em Gloucester, Massachusetts, o melhor peixe do Grand Banks, em Virginia, ostras e caranguejos da Baía de Chesapeake. Deste este dia, a Grand Central Oyster Bar & Restaurant continua a cultivar e receber um grande número de fornecedores internacionais, que vão desde grandes corporações a pescadores individuais, com quem ao longo dos anos nós desenvolvemos uma relação privilegiada".

Jerome Brody  vendeu o Oyster Bar aos funcionários em 1.999, e morreu em 2.001. 
O bar pode ser visto como o pano de fundo para os atores nas apresentações de abertura atuais de Saturday Night Live


http://en.wikipedia.org/wiki/Oyster_Bar
http://www.oysterbarny.com/history/





O South Street Seaport é uma área histórica da cidade de Nova York, no bairro de Manhattan , localizado no final da Fulton Street com vista para o East River , e ao lado do distrito financeiro . O Porto é um bairro histórico, muito diferente do distrito financeiro vizinho.
Possui a arquitetura mais antiga do centro de Manhattan, e inclui a maior concentração de edifícios comerciais restaurados do século 19, início da cidade. Isso inclui renovados edifícios originais mercantis, o ex- Fulton Fish Market , atrações turísticas e shoppings modernos com comida, compras e vida noturna, com vista para a ponte de Brooklyn . Na entrada para o Porto está o Titanic Memorial farol .
Festival de Música de Porto é um festival internacional de música encenado no Pier 17 em The Seaport em Manhattan durante o verão. Fundada em 2.002, a série anual de música é reconhecida por apresentar uma infinidade de quebra mais relevantes da música indie.

A série ao ar livre livre é realizada na sexta-feira noites em Julho e Agosto, em meio ao cenário de navios, arranha-céus e do porto de New York City.
http://en.wikipedia.org/wiki/Seaport_Music_Festival

A Sede da Organização das Nações Unidas está localizada em Nova Iorque, Estados Unidos. Foi construída entre 1.949 e 1.952, com a ajuda do arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer e está localizada no setor leste de Manhattan.

Organização das Nações Unidas (ONU), ou simplesmente Nações Unidas (NU), é uma organização internacional cujo objetivo declarado é facilitar a cooperação em matéria de direito internacional, segurança internacional, desenvolvimento econômico, progresso social, direitos humanos e a realização da paz mundial.
A ONU foi fundada em 1.945 após a Segunda Guerra Mundial para substituir a Liga das Nações, com o objetivo de deter guerra entre países e para fornecer uma plataforma para o diálogo. Ela contém várias organizações subsidiárias para realizar suas missões.

Existem atualmente 193 países-membros, incluindo quase todos os Estados soberanos do mundo. De seus escritórios em todo o mundo, a ONU e suas agências especializadas decidem sobre questões substantivas e administrativas em reuniões regulares ao longo do ano.
A organização está dividida em instâncias administrativas, principalmente: a Assembleia Geral (assembleia deliberativa principal); o Conselho de Segurança (para decidir determinadas resoluções de paz e segurança); o Conselho Econômico e Social (para auxiliar na promoção da cooperação econômica e social internacional e desenvolvimento);
o Secretariado (para fornecimento de estudos, informações e facilidades necessárias para a ONU), o Tribunal Internacional de Justiça (o órgão judicial principal). Além de órgãos complementares de todas as outras agências do Sistema das Nações Unidas, como a Organização Mundial de Saúde (OMS), o Programa Alimentar Mundial (PAM) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).


A figura mais publicamente visível da ONU é o Secretário-Geral, cargo ocupado desde 2.007 por Ban Ki-moon, da Coreia do Sul. A organização é financiada por contribuições voluntárias dos Estados-membros, e tem seis línguas oficiais: árabe, chinês, inglês, francês, russo e espanhol.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Organiza%C3%A7%C3%A3o_das_Na%C3%A7%C3%B5es_Unidas
http://pt.wikipedia.org/wiki/Sede_da_Organiza%C3%A7%C3%A3o_das_Na%C3%A7%C3%B5es_Unidas

Broadway, via larga em inglês, é uma avenida da cidade de Nova Iorque, Estados Unidos que atravessa o condado de Manhattan e do Bronx. A Broadway já existia antes do Commissioner's Plan de 1.811, e portanto não obedece à malha viária ortogonal característica de Nova Iorque. A Broadway é muito famosa pelos seus teatros que exibem superproduções de musicais, que muitas vezes ficam em cartaz durante vários anos. Atravessa a Times Square e é ponto de referência para 43 teatros que conformam o Circuito Broadway.
A avenida aparece em diversos filmes, com destaque para o filme King Kong, por exibir, principalmente, o teatro Broadway. Também pode ser vista no filme Independence Day.


A avenida também aparece no programa norte-americano Late Show With David Letterman, quando a atração volta do intervalo.
Outra obra cujo o tema é a Avenida é o albúm conceitual The Lamb Lies Down On Broadway da banda de Rock Progressivo Genesis.
O teatro da Broadway é a mais prestigiada forma de teatro profissional nos Estados Unidos, além de ser a mais conhecida do público e a mais lucrativa para os atores, técnicos e outros envolvidos nos espetáculos. Considera-se que o teatro da Broadway, juntamente com o teatro do West End, de Londres, representa o mais elevado nível de teatro comercial no mundo de língua inglesa.





A expressão "teatro da Broadway" ou "espetáculo da Broadway", ou simplesmente "na Broadway", costuma referir-se a uma peça ou musical apresentado em um dos 39 grandes teatros profissionais (500 assentos ou mais) localizados no Theater District da ilha de Manhattan, em Nova York.

The Color Purple é um musical da Broadway baseado no romance The Color Purple da escritora africana Alice Walker.
O musical teve início na Broadway em 1° de Dezembro de 2.005.
The Color Purple é dirigido por Gary Griffin, produzido por Scott Sanders, Quincy Jones e Oprah Winfrey, com coreografia de Donald Byrd. Ele apresenta música e letra escrita por Brenda Russell, Allee Willis e Stephen Bray, com um livro de Marsha Normanda. A produção da Broadway teve 11 nomeações ao Tony Award 2.006, porém só venceu uma.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Broadway

http://pt.wikipedia.org/wiki/The_Broadway_Theatre


Logo que você chegar a Nova York é bom ir se preparando para além da Broadway, ir ao Lincoln Center  uma coisa obrigatória. Lá se apresentam alguns dos balés mais lindos do mundo! Mesmo quem não é muito fã, acaba impressionado com a grandeza dos espetáculos; desde a orquestra afinando os instrumentos, aos cenários deslumbrantes... Enfim o conjunto todo é de arrepiar!!
Nutcrackers   
Há mais de 50 anos, o New York City Ballet  realiza o lindo espetáculo "George Balanchine´s  The Nutcracker" ("Quebra-Nozes"), num lindo conto de Natal, com a fada de Açúcar, a marcha dos soldadinhos de chumbo e o rei dos ratos, trajes à moda antiga, cenários mágicos, que parecem sonho, incluindo uma árvore de Natal de uma tonelada para a festa de Natal da Clara e uma tempestade de neve no palco!


Recomendado especialmente às crianças, é um clássico de Natal, imperdível para quem for à NY na época do Natal, ao som de Tschaikovsky, onde 92 bailarinos dançam, com várias crianças e quase flutuam, é lindo!  Lincoln Center (entre a  West 62nd e 65th West St  e  Columbus  Avenue, Upper West Side).
http://www.vamosparanovayork.com/night.htm#LINCOLN__CENTER___


CARNEGIE   HALL     
Em 1.889 o magnata do aço Andrew Carnegie pretendia construir a maior casa de espetáculos dos EUA. Demorou 2 anos para ficar pronto com uma acústica perfeita até para João Gilberto. (57th Street and 7th Avenue).

O Carnegie Hall é uma sala de espectáculos em Midtown Manhattan, na cidade de Nova Iorque, localizada no 881 da Sétima Avenida.
Construída a mando do filantropo Andrew Carnegie em 1.889, é uma das mais famosas salas de espetáculos dos Estados Unidos para concertos de música clássica e popular, reconhecido pela sua beleza, história e acústica. O Carnegie Hall tem o seu próprio programa, desenvolvimento e departamentos de marketing e apresenta mais de 100 performances a cada estação.
É igualmente alugado por grupos de artistas. Não tem companhia residente, todavia, a Filarmônica de Nova Iorque foi residente até 1.962.
O único outro Carnegie Hall no país, situa-se em Lewisburg. Este foi mandado construir por Andrew Carnegie em 1.902, reconstruindo um edifício, na época, arruinado por um incêndio. O edifício foi originalmente usado como uma escola feminina, mas foi posteriormente convertido num espaço dedicado à música e à arte.
Contudo não é tão reconhecido como o homônimo espaço de Nova Iorque.
Contudo, este é também o nome de outro espaço financiado por Andrew Carnegie, desta feita, na Escócia, em Dunfermline, mas menor e muito menos célebre.
O local foi designado, em 15 de outubro de 1.966, um edifício do Registro Nacional de Lugares Históricos, bem como, em 29 de dezembro de 1.962, um Marco Histórico Nacional.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Carnegie_Hall
http://www.vamosparanovayork.com/night.htm#LINCOLN__CENTER___



The Waldorf Astoria New York é um hotel de luxo em Nova York . Ele foi instalado em dois edifícios históricos, marcos de Nova York. O primeiro, projetado pelo arquiteto Henry J. Hardenbergh , estava no local do Empire State Building, na Quinta Avenida. O atual edifício na Park Avenue, 301 em Manhattan é um edifício de 47 andares, com estilo Art Deco, projetado por arquitetos Schultze e Weaver e data de 1.931.

Os arquitetos Lee S Jablin e Harman Jablin, reformaram o hotel durante meados dos anos 1.980 até meados da década de 1.990. The Waldorf Astoria de Nova York é um membro de luxo da cadeia Hilton. The Waldorf Astoria New York é reconhecido como um Hotel Histórico da América pelo National Trust for Historic Preservation.


The Waldorf Astoria foi o primeiro hotel a oferecer serviço de quarto, fazendo um enorme impacto para o futuro da indústria hoteleira.
O moderno hotel dispõe de três restaurantes e um salão de beleza localizado fora do lobby principal. Várias boutiques cercam o lobby. A boutique "hotel dentro de um hotel" situado nos pisos superiores é conhecido como The Waldorf Towers.
O hotel tem sua própria plataforma ferroviária como parte da Grand Central Terminal , usado por Franklin D. Roosevelt , James Farley , Adlai Stevenson , e Douglas MacArthur , entre outros.
O Hotel teve ao longo da história vários hospedes e residentes famosos, tais como o ex-presidente dos EUA Herbert Hoover, o general Douglas MacArthur,  os gangsters 
Frank Costello , Benjamin "Bugsy" Siegel e Charles "Lucky" Luciano, o imigrante escocês e fundador da revista Forbes, Bertie Charles Forbes, Cole Porter, Linda Lee Thomas, Marilyn Monroe e Paris Hilton.
A investigação sobre o naufrágio do Titanic , em 1.912 foi realizada no antigo Waldorf-Astoria. John Jacob Astor IV, que construiu o Hotel Astoria morreu no Titanic . Sua segunda esposa Madeline , grávida de sete meses, sobreviveu ao naufrágio.


Salada Waldorf - uma salada feita com maçãs , nozes , aipo , uvas e maionese ou um molho à base de maionese - foi criado pela primeira vez em 1.896, no Waldorf em Nova York por Oscar Tschirky , que foi o maître d'hôtel .
Cole Porter tocava piano de cauda no lobby do hotel Waldorf-Astoria.



http://en.wikipedia.org/wiki/Waldorf_Astoria_New_York


A New York Stock Exchange, a Bolsa de Valores de Nova Iorque, cuja abreviação oficial é NYSE, é a bolsa de valores de Nova Iorque. Está localizada em Manhattan, na Wall Street. É administrada pela NYSE Euronext.
O New York Stock Exchange foi criado em 1.792. A bolsa de valores nova-iorquina está localizada no distrito de Manhattan, na Wall Street, no centro financeiro da cidade. Na bolsa de valores são transacionadas ações das maiores empresas estadunidenses. Em 2.006, a NYSE juntou-se à Euronext, formando assim o primeiro mercado de capitais pan-atlântico.
É considerada uma das mais famosas instituições financeiras da Cidade de Nova Iorque.

É a maior bolsa de valores dos Estados Unidos, e, juntamente com a NASDAQ e a American Exchange, uma das mais influentes do mundo.

A bolsa de valores foi designada, em 2 de junho de 1.978, um edifício do Registro Nacional de Lugares Históricos,bem como, na mesma data, um Marco Histórico Nacional.
NASDAQ Stock Market-NASDAQ (National Association of Securities Dealers Automated Quotations) é um mercado de ações automatizado onde estão listadas mais de 2.800 ações de diferentes empresas, em sua maioria de pequena e média capitalização. É o segundo maior mercado de ações em capitalização de mercado do mundo, depois da Bolsa de Nova York. A plataforma de operações é de propriedade do NASDAQ OMX Group, que também é o proprietário da rede de mercados de ações OMX.
O NASDAQ caracteriza-se por reunir empresas de alta tecnologia em eletrônica, informática, telecomunicações, biotecnologia, etc.
http://pt.wikipedia.org/wiki/New_York_Stock_Exchange
http://pt.wikipedia.org/wiki/NASDAQ


A Ponte do Brooklyn é uma ponte na cidade de Nova Iorque, considerada uma das mais antigas pontes de suspensão nos Estados Unidos, com extensão de 1.834 m. Situa-se sobre o rio East, ligando os distritos de Manhattan e Brooklyn.
Ao ser finalizada era a maior ponte de suspensão do mundo, e a primeira a utilizar-se de cabos.

Foi a primeira ponte de aço suspensa do mundo e suas imensas torres de suporte já foram as estruturas mais altas de toda a cidade de Nova Iorque.
A ponte foi designada, em 15 de outubro de 1.966, uma estrutura do Registro Nacional de Lugares Históricos e em 29 de janeiro de 1.964, um Marco Histórico Nacional.
A construção começou em 1.869. A ponte do Brooklyn ficou completa quatorze anos depois e foi aberta para o uso em 24 de Maio de 1.883. No primeiro dia, um total de 1.800 veículos e 150.300 pessoas atravessaram-na. Sua principal curva tem 21.486 metros. A ponte custou 188 milhões de dólares para construí-la e aproximadamente 27 pessoas morreram durante a construção.


Quando concluída, ela era a maior ponte por suspensão do mundo - 50% maior que a construção anterior - e ela virou um grande ponte de referência de turistas. Adicionalmente, por vários anos as torres foram as maiores esculturas dos Estados Unidos. O estilo da arquitetura da ponte é Gótico.
A ponte foi desenhada por pelo arquiteto John Augustus Roebling em Trenton, Nova Jersey. Roebling e sua empresa construíram pequenas pontes suspensas, como a John A. Roebling Suspension Bridge em Cincinnati, Ohio e a Waco Suspension Bridge em Waca, Texas, estes serviram com protótipos de engenharia para o design final.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Ponte_do_Brooklyn

Maratona de Nova York é uma corrida na distância de 42,195 km realizada na cidade de Nova York através de seus cinco bairros, fundada em 1.970 por iniciativa de Fred Lebow, um corredor norte-americano nascido na Romênia e grande entusiasta de esportes e corridas de rua. Uma das maiores corridas do mundo, com mais de 40.000 participantes a cada edição, está entre as mais proeminentes corridas anuais dos Estados Unidos e do mundo, junto com as maratonas de Boston e de Chicago, e faz parte do grupo de World Marathon Majors.

A prova é realizada anualmente desde 1.970 pelo New York Road Runners (NYRR) à exceção de 2.012, quando foi cancelada devido aos estragos causados na cidade pelo furacão Sandy, uma semana antes. Nos últimos anos tem sido patrocinada pelo grupo financeiro holandês ING, que, por contrato de patrocínio, agrega seu nome à prova.
Por causa da enorme popularidade da maratona tanto nos Estados Unidos quanto no resto do mundo, que faz com que o número de interessados chegue às centenas de milhares, a inscrição se consegue por meio de um sistema de loteria. Os afiliados do NYRR podem conseguir inscrição pelo cumprimento de critérios técnicos estipulados ou através da indicação de clubes de corrida associados.
A prova, realizada no primeiro domingo do mês de novembro, é transmitida ao vivo localmente para a cidade de Nova York pela WNBC, pela tv a cabo Universal Sports para todo o país e on line através do próprio site da rede de televisão. Sua audiência mundial anual alcança 315 milhões de espectadores.
A Maratona de Nova York foi palco da quebra de cinco recordes mundiais em sua história, quatro femininos e um masculino.



Dois deles, porém, foram desqualificados. Isto aconteceu na edição de 1.981, quando o norte-americano Alberto Salazar - 2:08:13 - e a neo-zelandesa Allison Roe - 2:25:29 – quebraram as respectivas marcas vigentes, mas depois descobriu-se que este percurso teria 150 metros a menos que a distância oficial de 42,195 km e os tempos invalidados.

Os três recordes consecutivos quebrados pela norueguesa Grete Waitz (1.978-79-80) constam das estatísticas oficiais da IAAF, mas mesmo assim são considerados suspeitos pela Association of Road Racing Statisticians, associação que cuida das estatísticas referentes às corridas de rua em todo mundo.
Em 2.011, a maratona quebrou o recorde mundial de participantes com o total de 47.323 atletas completando a prova.
O brasileiro Marílson Gomes dos Santos é o único sul-americano a ter vencido até hoje, em 2.006 e 2.008.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Maratona_de_Nova_York


A culinária de New York é o resultado da mescla de diferentes grupos étnicos que se encontraram naquele local. Assim como em outras capitais como Londres, podemos encontrar tanto restaurantes especializados em pratos típicos do país, como aqueles voltados à culinária de outras nações. 

Há lugares para todos os gostos, por exemplo: se você é brasileiro e deseja comer a comida de sua terra natal, não passará vontade. Há muitos restaurantes oferecendo o melhor da comida brasileira. Mas Nova Iorque não é só o destino das diferentes culturas gastronômicas. Lá também se originaram muitos pratos. 
Outros se modificaram quando passaram por aqui, ganhando um toque especial dos nova yorkinos. Também podemos encontrar alguns dos restaurantes mais conceituados do mundo, coisa que desperta muita curiosidade dos turistas fãs da gastronomia. A cidade ocupa o topo do ranking das cidades que mais consomem pizza. 
Desde o começo do século passado, a pizza vem fazendo parte das comidas tradicionais de quem vive em New York. Outros que influenciaram na maneira de comer foram os judeus. Lugares como Chinatown influenciaram para a disseminação da gastronomia chinesa. A comida de rua também é muito conhecida nos tempos de hoje.
Comidas preferidos do nova iorquino
Cachorro quente
O tradicional cachorro quente americano é muito saboroso e difere um pouco do que conhecemos. Muitos têm curiosidades e desejam provar o tradicional hot dog, e lugares para isso não faltam. Um dos especialistas é o Gray's Papaya foi fundado em 1976 e hoje em dia é tão famoso que já apareceu em algumas séries norte-americanas, como How I Met Your Mother e Sex and the City, e em alguns filmes como Mensagem para você, estrelado por Tom Hanks e Meg Ryan.

Pizza
A tradição de alguns locais em Nova York é um fator de peso na hora de conhecermos as comidas típicas. Um belo exemplo é o Grimaldo's Pizzeria, uma pizzaria de renome que está localizada no Brooklyn, Manhatan, e em Douglaston (Queens). As pizzas são feitas em forno de tijolos, atribuindo a elas um sabor muito diferente daquelas feitas em forno a lenha ou a gás.
Cafés
Os nova iorquinos adoram ir a cafés, esses estabelecimentos já chegaram a ser um símbolo da cidade. Até mesmo o seriado Friends faz muitas referências a esses lugares (no seriado os personagens se encontram em um: Central Perk). Para quem vive em Nova Yorke, e é até difícil decidir em qual café ir. Entre esses lugares, podemos citar o Magnólia Barkery, muito conhecido por vender os famosos cupcakes, os bolinhos que ficaram famosos graças à outra série, Sex and the City.

Restaurantes
Há restaurantes para todos os gostos. Você pode optar pelos mais famosos, que custam um pouco mais. Ou poderá encontrar os "mais em conta". Restaurantes dedicados ao público vegetariano também são muito procurados.
Se você quer optar por provar a culinária de outro país, há restaurantes chineses, indianos, japoneses, italianos, brasileiros... enfim, para todos os gostos. No artigo do Wikipédia você poderá encontrar uma lista com vários estabelecimentos.
Nomes de alguns pratos típicos 
Há os pratos salgados, que são muito consumidos tanto pela população local quanto pelos turistas. São pratos típicos muito saborosos, impossível não prová-los em uma visita:






Corned Beef on Rye










                                            Cheesecake
http://culinarianomundo.blogspot.com.br/2012/12/comidas-tipicas-new-york-pratos.html




Em uma cidade onde estabelecimentos gastronômicos novos e badalados podem sair de moda rapidamente, estes restaurantes têm tudo para manter a chama acesa.



Mesmo que você visite Nova York com frequência, sempre haverá excelentes restaurantes para experimentar, em Uptown, Midtown, no centro da cidade e bem na ponta sul da ilha de Manhattan. Tem italiano, francês, latino, frutos do mar, sushi, tudo o que você quiser. A concorrência é intensa, e é comum os locais mais badalados esfriarem depois de apenas alguns meses de funcionamento. Mas alguns dos mais novos certamente ainda estarão abertos na sua próxima visita.

Boulud Sud, 1 212/595-1313, 20 West 64th Street
Por que ir: O chef responsável pela casa, Daniel Boulud, coloca todo seu amor pela cozinha provençal e mediterrânea neste ambiente jovial, iluminado com bom gosto e elegantemente informal, lembrando o Rick’s Café Americaine do filme Casablanca.
O que comer: Cordeiro grelhado, temperado com molho harissa, acompanhado de beringela argelina.
Tome nota: O restaurante é adjacente a mais duas casas de propriedade do mesmo chef: o Bar Boulud, que dá atenção especial à charcuterie, e a confeitaria L’Épicerie, que entre suas guloseimas rápidas oferece os melhores croissants e macarons da cidade.

Lincoln Ristorante, 1 212/359-6500, 142 West 65th Street
Por que ir: Localizado em um fabuloso prédio todo envidraçado, bem na praça do Lincoln Center, este restaurante italiano glamuroso é comandado por Jonathan Benno, ex-chef de cozinha no Per Se. A culinária dele é um refinamento da tradição com pompa de arrepiar.
Muitas celebridades visitam o local, principalmente as que participam de produções de ópera, teatro ou balé nas proximidades.
O que comer: Tagliatelle com trufas negras de inverno.
Preste atenção: Na cobertura há um parque oficial da cidade de Nova York, que você pode visitar para tomar um pouco de sol e ar fresco quando o tempo estiver bonito.


Salinas, 1 212/776-1990, 136 Ninth Avenue
Por que ir: O chef Luis Bollo revelou-se um dos melhores intérpretes da cozinha espanhola nos Estados Unidos – sem os apetrechos moleculares – tanto no bar de tapas na frente quanto no restaurante, nos fundos. Excelente carta de xerez e vinhos espanhóis.



O que comer: Leitoa grelhada com marmelo.
Tome nota: Com o tempo bom, o teto retrátil se abre e transforma o salão do restaurante em um pátio ao ar livre.




La Mar Cebicheria Peruana, 1 212/612-3388, 11 Madison Avenue
Por que ir: Em dois andares, este restaurante é uma homenagem à cozinha peruana moderna, uma nova tendência gastronômica. O andar térreo é informal e o superior, um pouco menos. A comida, preparada com requinte, estimula o paladar.


O que comer: Elegance, um ceviche de halibute com cebolas vermelhas, milho peruano e inhame em leche de tigre de suco de limão, alho, gengibre, leite de coco e pimentões amarelos.
Tome nota: Não deixe de conferir o esplêndido “lustre de chuva” que fica dentro do enorme óculo, e a “parede de milho”, composta de oito mil espigas de milho pregadas.



La Silhouette, 1 212/581-2400, 362 West 53rd Street
Por que ir: Como um dos restaurantes franceses mais coloridos e agradáveis na região dos teatros, La Silhouette tem dois pavimentos. Os proprietários Sally Chironis e Tito Rahman têm a determinação de garantir a diversão dos clientes, para que tenham vontade de voltar.




O que comer: Bacalhau Chatham com amêndoas e purê de couve-flor.
Tome nota: Aproveite o menu fechado para antes da sessão de teatro.
http://www.revistafourseasons.com.br/restaurants/5-must-try-new-york-restaurants/


Eleven Madison Park é um local maravilhoso para ocasiões privadas de todos os portes. Nossos dois níveis,  com varanda que oferece vistas espetaculares sobre o Madison Square Park. O salão sul para até 18 convidados, e a Sala do Norte com até 34 convidados. Para maiores eventos,  as salas podem ser combinadas para acomodar até 50 pessoas.
Todo o restaurante também está disponível para eventos privados.
- Eleven Madison Park
“Foi meu melhor jantar em Nova York. Comi um menu degustação enorme, e poderia ter repetido tudo sem cansar. O chef Daniel Humm faz alta gastronomia em cima da diversidade cool do cotidiano americano.
Logo na entrada você recebe uns biscoitos semelhantes aos que você encontra pelas ruas, um moedor de carne vai parar na mesa para você finalizar seu tartar com cenouras trituradas na hora e, no auge do jantar, ele joga uma toalha xadrez na mesa e te entrega uma cesta de piquenique cheia de coisinhas pra você se divertir. É maravilhosos. Você sai dando pulos de felicidade.” - Jefferson Rueda.
Endereço: 11 Madison Avenue - Nova York, NY 10010
http://elevenmadisonpark.com/
http://luxo.ig.com.br/altagastronomia/2013-07-12/os-melhores-restaurantes-de-nova-york-segundo-o-chef-jefferson-rueda.html

Milos
Situada no sopé da Avenida das Américas Plaza, Milos traz um ar de frescor da culinária mediterrânea para o coração vibrante de Midtown de Manhattan.
O foco em Milos está sempre em encontrar o melhor que o mundo tem para oferecer: os melhores produtos, os melhores vinhos, o melhor mel, o melhor iogurte, e acima de tudo, o melhor peixe e marisco.
Com esse foco em mente, fomos para as bordas do mundo para encontrar fornecedores que atendam nossos padrões rígidos de qualidade e exclusividade. Nossos anos de longas viagens e de pesquisa foram recompensados ​​e outra vez, com relacionamentos de longa data e alimentos inigualáveis.
Quando os produtos são de tal qualidade impecável, cobrindo-se com molhos e sabores fortes é exatamente o que não deve ser feito.
Milos orgulha-se da clareza de sua comida, seguindo um decreto de simplicidade perfeita, para preservar o sabor distinto de cada um dos ingredientes e valor nutricional.
“É o lugar perfeito para comer comida mediterrânea, com frutos do mar fresquíssimos, que chegam todos os dias de avião e ficam expostos no balcão pra você escolher. O lugar é pequeno e reúne um monte de intelectuais, mas o preço é ótimo. E o menu executivo pode incluir até lagosta.” - Jefferson Rueda

Endereço: 125 West 55th Street - Nova York, NY 10019
125 West 55th Street , também conhecida como Avenida das Américas Plaza de , é um de prédio de 23 andares,com escritórios, localizado na 55th Street entre a Avenue of the Americas (Sixth Avenue) e Seventh Avenue , em Midtown Manhattan , Nova York . 


http://luxo.ig.com.br/altagastronomia/2013-07-12/os-melhores-restaurantes-de-nova-york-segundo-o-chef-jefferson-rueda.html
http://en.wikipedia.org/wiki/125_West_55th_Street



PLAZA FOOD HALL


O Hotel Plaza agora conta com uma área de alimentação super refinada e perfeita para os apaixonadas por culinária.
O ambiente é descontraído e a comida maravilhosa. Se gostar de ostras, é uma ótima pedida.
Recomendo o vinho branco Chardonnay Far Niente, de Napa Valley, Califórnia.
Perfeita combinação com ostras!!!
Escrito por Isa - My Dress Code

http://www.mydresscode.com.br/viagens/dicas-de-restaurantes-em-new-york/
http://theplazafoodhall.com/




Balthazar bistrô serve pratos tradicionais do café da manhã até a ceia de fim de noite. Aberto por Keith McNally, na primavera de 1.997, o Balthazar oferece um menu francês preparado pelo chef de cuisine Shane McBride. Os frequentadores podem escolher entre uma extensa lista de vinhos, um bar de frutos do mar, e pães e bolos da padaria.
Desde 1.997, Balthazar Padaria criou pães e bolos para os clientes que querem desfrutar de um sabor em casa ou no trabalho. A filosofia da padaria é simples: usamos ingredientes finos e métodos tradicionais para produzir excepcionais sopas, sanduíches, saladas e sobremesas.
Balthazar é conhecido por seu design excepcional. O edifício foi convertido a partir de um armazém atacadista de
couro para um espaço arejado, que pode acomodar mais de 200 pessoas na sala de jantar e no bar de zinco.
Balthazar também está disponível para acolher o seu evento especial .  
Existe um parque de estacionamento localizado nas ruas Lafayette & Kenmare..
80 Spring St  New York, NY 10012

http://www.balthazarny.com/


"Nós sempre acreditamos que, enquanto nós colocamos toda a nossa energia na criação de uma experiência perfeita para os nossos clientes, viríamos a ser conhecidos por isso." O Chef executivo Michael Cetrulo tinha a dizer da  abertura de Scalini Fedeli no antigo espaço Bouley em Nova York.
165 Duane Street (entre Greenwich & Hudson) New York, NY 10013


Com seus padrões excepcionais e treinamento formal em alguns dos melhores restaurantes Michelin na Europa, Cetrulo estabeleu para criar uma experiência de jantar moderno e eclético. Fundamentada em raízes italianas, mas com destaque para as influências francesas distintas, Scalini Fedeli consegue definir a visão da culinária Cetrulo contra o pano de fundo de uma convidativa sala de jantar e um design elegante.
Moderno e eclético italiano com influência francesa distinta, Scalini NYC está rapidamente se tornando famosa pela sua cozinha excepcional.
O interior é elegante e sofisticado, com tetos abobadados da virada do século, as antiguidades e obras de arte romântica que evocam uma sensação distintamente toscana. Em cima de tudo isso, um serviço impecável de Scalini Fedeli cria a receita para uma experiência única e memorável.
http://www.scalinifedeli.com/



Fontes : além das já citadas




Nenhum comentário:

Postar um comentário